Leo Messi terminou o jogo contra o Las Palmas com um rosto de poucos amigos por uma dupla razão. Em primeiro lugar, porque o empate nas Canárias colocou a liga espanhola em risco. O Barça já estava com meia liga no bolso, mas nesse momento, tudo pode acontecer, até porque o Barcelona vai jogar grande parte do título contra o Atlético no domingo, no Camp Nou. E em segundo lugar, Messi estava incomodado [VIDEO] porque ele sabe que não vai poder relaxar e se reservar para a Copa do Mundo.

Depois de um início brutal de temporada, o Barcelona parece estar vivendo uma quebra de rendimento e os resultados estão um pouco piores agora.

O time continua sem perder para o campeonato e Champions, mas os empates estão aumentando e deixam a equipe em perigo, em algumas competições.

A final da Copa do Rei está garantida e o Barça pode relaxar sobre essa prova. Falta apenas jogar a final, mais à frente do ano, e será contra o Sevilha. Por isso, essa competição está muito bem encaminhada e colocada de lado. É tempo agora do Barça pensar no campeonato e na Champions e, no caso do Messi, pensar também na Copa do Mundo. Afinal, ele tem 30 anos e essa pode ser uma de suas últimas oportunidades de vencer a Copa. Depois de começarem tão bem a temporada, Messi acreditava que por essa altura, ele poderia estar mais relaxado. Pelo contrário, ele continua precisando dando sempre seu máximo, porque seus companheiros estão longe da melhor forma.

Por isso, Leo enviou uma mensagem a seus colegas, no vestiário, uma mensagem que é assinada por Sergio Busquets, Iniesta [VIDEO] e Piqué: não é assim que a Liga é vencida. E o que é pior ainda: o risco de perder o campeonato é real e cada vez maior. Os homens de Ernesto Valverde poderiam ter celebrado cedo demais, e depois disso, vêm cometendo alguns erros. O Real Madrid estava fora do campeonato há vários meses, mas o Atlético manteve sempre o mesmo ritmo, e nunca se afastou muito, se colocando a cinco pontos do Barça, quando estão três no confronto direto, neste final de semana. O campeonato ficou relançado e claro que os jogadores não podem estar contentes com essa situação.

Para o jogo com o Atlético, Messi exige apenas uma coisa: concentração máxima. O astro argentino deixa ainda um a Valverde, pedindo para ele não fazer mais experiências. Messi sabe que não existe mais margem para errar e que o treinador precisa entender isso. As principais estrelas da equipe não querem ver Digne ou Aleix Vidal em campo, durante estes jogos decisivos, e também dispensam bem a passividade de Paulinho no campo.