O Campeonato Paulista fez algumas baixas [VIDEO]no elenco do Santos. Depois de perder por tempo indeterminado o atacante Bruno Henrique, após ele jogar apenas 9 minutos do jogo de estreia, contra o Linense, outro jogador considerado titular segue fora da equipe por problemas de contusão. Um retorno até foi cogitado nas últimas rodadas, mas fatos novos provocaram o adiamento de sua volta.

Fora do time desde o duelo contra o Ituano, quando sofreu luxação no ombro direito, o lateral-direito Victor Ferraz já estava recuperado e treinava no CT Rei Pelé, mas em uma das atividades sentiu a coxa direita. Após a realização de exames, foi diagnosticado uma lesão no músculo anterior e ele deve ficar mais duas semanas fora de combate.

O lateral, [VIDEO] inclusive, já estava relacionado para o duelo da semana passada, contra o Nacional, do Uruguai, pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América, mas, por conta da lesão, acabou ficando fora do duelo internacional.

Briga quente por vaga

Enquanto Bruno Henrique, que sofreu lesões no olho devido a uma bolada sofrida no jogo contra o Linense, na estreia do Campeonato Paulista, continua afastado, a briga por sua vaga no ataque santista é cada vez mais acirrada. Arthur Gomes e Rodrygo disputando um lugar ao lado de Gabigol e Eduardo Sasha.

Um dos artilheiros do Peixe em 2018, com três gols anotados, Arthur Gomes foi o escolhido para ser o titular após a saída de Bruno Henrique, mas acabou perdendo espaço para a jovem promessa santista, que entrou na equipe no início do mês e não saiu mais.

A ida para o banco de reservas, no entanto, parece não ter abalado a confiança de Arthur, que todas as vezes que entrou no decorrer das partidas teve boas atuações. Ele, inclusive, bateu o pênalti que deu a classificação para as semifinais do Campeonato Paulista, na quarta-feira (21), diante do Botafogo, na Vila Belmiro.

“Lógico que queremos jogar, ser titular, começar o jogo, mas respeito a decisão do professor”, disse Arthur Gomes em entrevista ao portal de notícias Globo Esporte. O atacante disse ainda que está feliz pelo momento vivido pelo companheiro. “Fico feliz pelo momento do Rodrygo. Quem ganha com isso é o Santos”, afirmou.

O Santos volta aos treinos nesta sexta-feira (23) já visando o clássico deste sábado (24), pelo jogo de ida das semifinais do Campeonato Paulista, contra o Palmeiras, no Estádio do Pacaembu. O segundo e decisivo duelo será na terça-feira (27), no mesmo local.