Quinta-feira, 21h30 (de Brasília), estádio da Ressacada, em Florianópolis, dia, horário e local de Avaí e Fluminense [VIDEO], confronto de volta da terceira fase da Copa do Brasil. Como perdeu no Rio pelo placar de 2 a 1, o Tricolor necessita vencer por dois ou mais gols de diferença para avançar na competição. Derrotando os catarinenses pela diferença mínima, precisará também de uma vitória nos pênaltis. Mais do que um resultado positivo, a equipe das Laranjeiras praticamente decidirá o seu futuro na capital de Santa Catarina.

Campeão em 2007, quando, ironicamente, enfrentou outro grande time daquele estado do Sul do país, o Figueirense, o Flu, eliminando o Avaí, mantém o sonho do bi da Copa do Brasil e uma das esperanças de título ao longo de 2018.

Lembrando que a agremiação carioca está na disputa do Campeonato Carioca e ainda tem pela frente a Copa da Primeira Liga, o Campeonato Brasileiro e a Copa Sul-Americana.

Além da questão técnica, o Fluminense busca um respiro financeiro. Atravessando enormes dificuldades, o Tricolor vê, na Copa do Brasil uma excelente oportunidade de aumentar o fluxo do seu caixa. Por já ter despachado Caldense-MG (vitória de 1 a 0 no Ronaldão, em Poços de Caldas, interior de Minas) e Salgueiro-PE (goleada de 5 a 0 no Nilton Santos, no Rio), o clube verde, branco e grená arrecadou R$ 3,6 milhões. Passando pelo Avaí, receberá mais R$ 1,8 milhão.

Para finalizar, uma classificação para uma fase mais aguda da Copa do Brasil pode melhorar a desgastada relação com a torcida, que, por várias ocasiões, com direito a provocar adiamento de reunião do Conselho Deliberativo, protestou contra as atitudes tomadas nos últimos anos, principalmente após o fim da parceria com a empresa médica Unimed.

Na manhã desta quarta, o elenco realizou, no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, o último treinamento antes da “decisão” contra o Avaí. No início da tarde, aconteceu a viagem para Florianópolis. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Renato Chaves está fora da partida. Dessa forma, Reginaldo, que atuou no último domingo, tendo, inclusive, marcado o segundo gol da vitória de 2 a 1 sobre o Nova Iguaçu [VIDEO], no Maracanã, pela Taça Rio, segue formando o trio defensivo com Gum e Ibañez.

Quem está de volta é Marcos Júnior. Poupado no final de semana, o atacante, artilheiro da equipe na temporada com sete gols, recupera o seu posto ao lado de Pedro na vaga de Robinho.