De pouco aproveitado por Fábio Carille à solução na lateral esquerda do Corinthians [VIDEO]. Assim tem sido os últimos dias do volante Maycon no Parque São Jorge, que no mês passado chegou a ter sua saída do clube com destino ao Futebol da Ucrânia fortemente cogitada. No entanto, apesar da janela de transferência para aquele país já ter se fechado, o jogador ainda poderá deixar o Timão nesta temporada.

O jogador, que acumula passagens pelas seleções de base, tem sido cobiçado por alguns clubes europeus, inclusive pelo Shakhtar Donetsk, que havia oferecido 24 milhões de reais pelo jogador. Porém, a proposta ficou apenas no verbal, não chegando a ser oficializada pelos ucranianos, que veem no corintiano o substituto ideal para Fred, caso o brasileiro vá mesmo jogar no Napoli após o meio do ano.

A transferência do jogador agradaria todas as partes, uma vez que o Corinthians detém 80% dos direitos sobre o jogador e o time precisa fazer caixa. “Foi uma coisa que apareceu, mas nada certo, não houve proposta”, disse o jogador ao portal de notícias Globo Esporte, afirmando que desde que perdeu espaço no time estava focado em voltar a ser titular.

Seu contrato com o Alvinegro vai até o final de 2021 e neste domingo (4) ele será mais uma vez um dos 11 iniciais que enfrentarão o Santos pela décima rodada do Campeonato Paulista.

Nada de escalação

Diferente de outras ocasiões, quando costuma passar quem vai jogar com antecedência, o técnico Fabio Carille não divulgou a escalação do time que começa jogando o clássico [VIDEO] contra o Santos, neste domingo (4), às 17 horas, no Estádio do Pacaembu (mando de campo do Peixe), pela décima rodada do Campeonato Paulista.

Por conta da forte chuva em São Paulo, os titulares trocaram o campo por trabalhos físicos realizados na academia.

Com isso, o time será definido apenas nas atividades que serão realizadas neste sábado (3). Porém, salvo alguma surpresa ou problema físico, o time deverá começar jogando com Cássio no gol, a defesa formada por Fagner, Balbuena, Henrique e Maycon. Completam o time Gabriel, Renê Júnior, Romero, Rodriguinho, Jadson e Clayson.

O Corinthians é o líder do grupo A do Campeonato Paulista com 16 pontos em dez jogos, quatro a frente do Bragantino, que é o terceiro locado. Uma vitória no clássico, combinado a um tropeço do Massa Bruta, que visita a Ponte Preta, em Campinas, o Timão já estará matematicamente classificado para as quartas de final da competição.