Leo Messi e Cristiano Ronaldo voltam a se reencontrar na discussão de títulos. Tudo indica que os dois estejam na luta pela Bota de Ouro, o que vem acontecendo tem mais de uma década. Nas últimas dez edições da Bola de Ouro, foram cinco troféus para cada um. Esse ano pode ter desempate entre os dois. [VIDEO]

Cristiano Ronaldo está crescendo

Messi começou bem melhor, mas nesse momento Ronaldo já está alcançando o bom rendimento do argentino. No que diz respeito a gols, Cristiano até já tem mais, mas Messi tem a seu favor sua regularidade de exibições super decisivas no Barcelona.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Messi tem o provável título, e a final da Copa do Rei, enquanto Ronaldo há muito está eliminado das competições nacionais, na Espanha.

No entanto, é na Champions que eles podem se reencontrar também.

Barcelona e Real Madrid estão nas quartas-de-final e daqui para frente tudo pode acontecer. Certo é que, quando a decisão da Champions se aproxima, Cristiano surge em seu melhor momento, perante um Messi que se mantém em um nível incrível, como vem provando nas últimas partidas. Messi já revelou que está jogando mais recuado, propositadamente para ajudar mais o time. E o craque argentino vai arrasando e espelhando sua magia por todo o gramado.

Entretanto, o internacional português está se aproximando perigosamente na luta pelo 'Pichichi', ou seja, do maior artilheiro do Campeonato Espanhol. Cristiano Ronaldo está passando pelo melhor momento da temporada, e a prova disso foi dada no jogo contra o Girona, no qual ele marcou quatro gols. Ele já tem 22 na liga, está apenas a três dos 25 de Leo Messi.

Leo Messi tem um outro foco

Mas Leo Messi [VIDEO]não hesita nem um pouco. O argentino não se preocupa nada que Cristiano Ronaldo pode vencê-lo na lista de artilheiros, ou mesmo que ele possa obter uma nova Bola de Ouro. Essa não é a prioridade para o camisa "10" do Barça. O argentino acha muito mais importante ganhar títulos com o Barça e, acima de tudo, a Copa do Mundo, do que qualquer título individual.

Messi sente que o Barça já ganhou a Liga, está na final da Copa e tem uma boa chance de se qualificar para as semifinais da Champions, uma vez que o rival é a Roma, considerado um dos adversários menos fortes nessa fase. A temporada só pode melhorar mais ainda para os catalães e para Leo.

Se tem alguma coisa que Messi aprendeu nesses anos é que o mais importante no final do ano são os títulos coletivos, e que o Barça parece levar toda a vantagem sobre o Real Madrid, novamente. Mas, tem mais. É que o grande sonho de Messi está na Rússia. O argentino quer dar o golpe final ao levantar a Copa do Mundo com sua equipe, o que, possivelmente, o coroará como o melhor de todos os tempos. Por isso, ele não está preocupado com os gols de Ronaldo, Neymar ou Salah. Seu foco está bem mais alto que isso.