Mesmo com a saída de onze jogadores até o início de 2018, o Fluminense [VIDEO] vem apresentando um Futebol mais competitivo e, no último domingo, conquistou, de forma invicta, a Taça Rio, terceira fase do Campeonato Carioca, ao derrotar, no Maracanã, o Botafogo pelo placar de 3 a 0. Em entrevista à Rádio Globo na noite de segunda, o diretor-executivo do clube das Laranjeiras, Paulo Autuori, disse que o grande responsável por esse momento positivo é o técnico Abel Braga.

“Eu acho que o grande lance do trabalho do Abel é que com essa realidade do clube, mesmo no Campeonato Carioca, ninguém vai se iludir, ele conseguiu construir um coletivo minimamente competitivo”, resumiu o dirigente.

Mesmo feliz com o troféu alcançado no final de semana, a torcida mantém a postura de cobrar mais reforços, especialmente por conta dos torneios que virão no segundo semestre, a Copa Sul-Americana e o Campeonato Brasileiro. Reconhecendo que o Estadual não é parâmetro para se medir a capacidade de um elenco, Autuori voltou a garantir a chegada de novos jogadores.

“Hoje em dia, nenhum campeonato estadual, nem mesmo o Paulista, é parâmetro para o Brasileirão. A gente sabe as dificuldades que vão ser. Acho que você tem que encarar as coisas com franqueza, na limitação do elenco do Fluminense. Está aí e existe para ser ultrapassadas, com trabalho e qualidade. Como é que a gente vai dar qualidade para esse grupo? Com a vinda de jogadores. De qualquer forma, vão vir jogadores”, encerrou.

Nomes e posições não foram reveladas, mas, nos bastidores, especula-se que um zagueiro, um meia, um atacante de velocidade e um centroavante devem ser anunciados brevemente.

Lembrando que a agremiação já trouxe dois goleiros (Rodolfo e Guillermo De Amores), dois laterais-direitos (Gilberto e Léo) e dois volantes (Jádson e Aírton).

A estreia do Fluminense na Sul-Americana acontece no dia 11 de abril, às 21h45 (de Brasília), no Maracanã, diante do Nacional Potosi, da Bolívia. Quatro dias depois, no Itaquerão, em São Paulo, inicia a sua caminhada no Brasileirão, enfrentando o atual detentor do título, o Corinthians.

Antes do Campeonato Brasileiro e da Copa Sul-Americana, o Flu [VIDEO] tem, pela frente, a reta decisiva do Carioca. Na quinta, às 21h (de Brasília), também no Maracanã, pelas semifinais, encara o Vasco. Para esse desafio, o técnico Abel Braga não sabe se contará com o meia Junior Sornoza e o atacante Marcos Júnior. Lesionados, ambos vêm realizando tratamento intensivo e só após o treino de quarta, no CT Pedro Antônio, terão suas situações definidas.

Por ter sido campeão da Taça Rio, o Tricolor tem a vantagem do empate para garantir presença na final da competição estadual.