O Palmeiras é um dos clubes mais ricos da América do Sul, por conta disso é inevitável que a equipe tenha uma concorrência igual a de clubes europeus. No entanto, diversos jogadores acabam, mesmo não demonstrando, ficando infelizes por faltas de oportunidades.

A diretoria do alviverde da capital contratou muitos reforços para a temporada de 2016 e 2017, mas quem pensava que, por isso, não teriam reforços para 2018, estava muito enganado. Diversos jogadores foram contratados para integrar o elenco nesta temporada e, a maioria deles se tornaram titulares.

Publicidade
Publicidade

Se os jogadores que foram contratados para esta temporada pelo Palmeiras, no momento, não são titulares, estes aumentaram, e muito, a concorrência entre os atletas da posição, como é o caso de Weverton e Gustavo Scarpa, pois ambos possuem potenciais para se tornarem titulares em quaisquer outras equipes da Série A, porém, são reservas e pressionam uma vaga na titularidade.

Vai deixar o clube?

O meio de campo e o ataque do Palmeiras são as regiões mais disputadas dentro do campo, por isso que há uma grande preocupação do técnico Roger Machado para escalar o time para os jogos, sempre selecionando os melhores.

Jogadores em um treinamento do alviverde
Jogadores em um treinamento do alviverde

Os melhores nem sempre estão na titularidade, até porque seria impossível para Roger Machado determinar, logo no começo da temporada, qual a equipe que vai representar o clube até o final do ano.

Contudo, as categorias de base do clube também são muitos fortes, sendo a mais campeã de 2017, mas um dos principais atletas da base do Verdão, o camisa 10 da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o José Aldo já decidiu que deixará o clube para ir a algum outro grande brasileiro.

Publicidade

O jogador já despertou o interesse do Internacional e dos rivais Santos e Corinthians. Portanto, o maior motivo do atleta estar deixando a equipe é que ele alega uma falta de oportunidade na equipe principal.

O meia e os empresários do jogadores analisam que será muito difícil ele receber oportunidades com o Palmeiras tendo Lucas Lima e o venezuelano Alejandro Guerra integrando o elenco principal do clube.

Vai para onde?

Ainda não se sabe qual o destino escolhido pelo jogador de 19 anos, que já deseja estrear pelo profissional de alguma grande equipe, mas o certo é que ele vai deixar o Palmeiras e isso acabou, inclusive, irritando muito a diretoria do alviverde da capital, que acabou assumindo a perda do jogador por conta de uma decisão do mesmo.

Leia tudo e assista ao vídeo