Após derrotar o Volta Redonda por 2 a 1 no último domingo, o Fluminense se reapresentou na tarde desta segunda no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio e iniciou os seus preparativos para o clássico de quarta, às 19h30 (de Brasília), no Nilton Santos, diante do Vasco, em partida da quarta rodada da Taça Rio, terceiro turno do Campeonato Carioca.

Mantendo o costume da volta aos treinamentos, o elenco foi dividido. Os titulares ficaram na academia para um trabalho regenerativo, os demais atletas foram a campo e, sob orientação do técnico Abel Braga, realizaram uma atividade tática em espaço reduzido.

A boa notícia ficou por conta de Marcos Júnior.

Artilheiro tricolor em 2018 com sete gols, o atacante, que não jogou no final de semana devido a um incômodo muscular na coxa direita, não demonstrou qualquer limitação e praticamente garantiu o seu retorno. Em contrapartida, o departamento médico revelou que, na última sexta, o goleiro uruguaio Guillermo De Amores sofreu um estiramento na panturrilha direita e desfalcará o time por tempo indeterminado.

Escalado para conversar com os jornalistas antes do treino, o centroavante Pedro fez um pequeno balanço sobre o início da atual temporada. Dono da camisa 9 após a saída de Henrique Dourado, o jovem garantiu estar preparado para comandar o setor ofensivo do Tricolor.

" Sempre bom começar o ano como titular. Sei da minha responsabilidade aqui dentro e procuro contribuir em campo. Quero dar continuidade ao trabalho, com foco no objetivo que é terminar o ano super bem", declarou.

Na terça, a partir das 16h (de Brasília), o Fluminense [VIDEO] volta ao CT Pedro Antônio e realiza o último treinamento antes do clássico. Com nove pontos e liderando o Grupo C, o Tricolor, derrotando o Vasco, praticamente assegura a classificação para as semifinais da Taça Rio.

Enquanto o grupo trabalhava firme dentro das quatro linhas, os bastidores foram agitados. Segundo informações do repórter Renan Moura, da Rádio Globo, o peruano Pablo Betancourt, empresário de Rodrigo Aguirre, informou que o atacante uruguaio irá definir o seu futuro até, no máximo, quarta.

O agente, inclusive, revelou a vinda do jogador nessa semana para escolher um apartamento onde ficará no Rio. Além do Flu, o Botafogo também tem interesse na contratação por empréstimo de Aguirre junto á Udinese, da Itália.

Ao mesmo tempo que uns vêm, outros podem estar perto de deixar o clube. P or conta da pressão política e da crise financeira do clube, o diretor esportivo da base, Marcelo Teixeira, sugeriu o fim do STK Fluminense Samorin [VIDEO], filial tricolor na Eslováquia, mas que tem sofrido com atrasos nos salários de jogadores e de funcionários.

Nesta segunda, um representante do clube eslovaco esteve nesta segunda nas Laranjeiras para conversar com o presidente Pedro Abad. Apesar de não querer terminar o projeto, o mandatário avisou que irá levar o caso para votação no Conselho Deliberativo. Internamente, se fala que o projeto custa cerca de 50 mil euros (cerca de R$ 200 mil) mensais aos cofres do clube, o que incluiu pagamento dos atletas e empregados, manutenção do estádio, além de outras despesas.