A vitória por 2 a 1 contra o Linense, [VIDEO] pela décima rodada do Campeonato Paulista, fez o São Paulo respirar na classificação do grupo B e também ficar mais perto da vaga na segunda fase, além de melhorar um pouco o clima pelos lados do Morumbi, que andavam meio pesado devido aos maus resultados das semanas anteriores. No entanto, nesta segunda-feira (5), o alto astral no Tricolor foi ofuscado por conta da contusão de um importante jogador, que ficará, inclusive, de fora do clássico da próxima quinta-feira (8), contra o Palmeiras, no Allianz Parque.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Autor do gol que empatou o duelo em Lins, o lateral-esquerdo Reinaldo deixou o jogo ainda no intervalo da partida após se queixar de dores. Na manhã desta segunda-feira (5), o jogador passou por um exame de ressonância magnética, que detectou um “pequeno estiramento no músculo adutor esquerdo”.

O Departamento Médico do clube informou que ele já iniciou a recuperação, mas não estipulou prazo para a sua volta e, assim, ele será desfalque para o clássico de quinta-feira. Pode ser que até mesmo esteja fora do jogo de domingo (11), contra o Red Bull Brasil, no Estádio do Morumbi.

A contusão acontece justamente quando o lateral vive seu melhor momento com a camisa do São Paulo. O jogador chegou ao Morumbi em 2014, mas não apresentou bom rendimento e foi emprestado para Ponte Preta e Chapecoense. Neste ano, ele retornou ao Morumbi e ganhou a condição de titular com Dorival Júnior.

O São Paulo é o líder do grupo B com 14 pontos ganhos, mas está sendo seguido de perto por Ponte Preta e São Caetano, que tem dez pontos, mas ainda jogam pela décima rodada, nesta segunda-feira (5), contra Bragantino e Palmeiras, respectivamente.

Nada de alívio

Duas vitórias seguidas e tudo o que um técnico pressionado deseja para viver dias mais calmos. Não para Dorival Júnior, [VIDEO] que, após a vitória do São Paulo em Lins, disse que isso não alivia em nada. “Não tem alívio. Temos uma preocupação frequente e constante. Natural que o resultado, às vezes, esconda muitas coisas”.

O treinador lembrou que existiram jogos que o time se apresentou bem e saiu de campo derrotado, enquanto em outras ocasiões apresentou baixo rendimento e conseguiu fazer o resultado. “Queremos equilíbrio, estamos buscando. Espero que tenhamos o mais rápido, para que façamos sequência de resultados”, analisou.

Dorival ainda negou que o triunfo no interior tenha ganhado mais peso por ser um jogo que antecede ao clássico. “Não pensamos dessa forma. Queremos ver uma equipe consistente. Em cima dessa consistência, que os resultados aconteçam”, finalizou.