O Palmeiras está se preparando para enfrentar o Novorizontino, nesta quarta-feira (21), no Allianz Parque, às 21h45. O jogo é válido pelas quartas de final e vai definir quem passa para as semifinais. Na primeira partida, em Novo Horizonte, o Verdão goleou por 3 a 0 e tem situação bem tranquila, podendo perder por até dois gols de diferença sem precisar se preocupar.

O técnico Roger Machado preparava o treino desta terça-feira (20) quando um temporal caiu na cidade de São Paulo.

As chuvas fortes e os raios fizeram o treinador cancelar a movimentação. O gramado dos campos da Academia de Futebol ficaram encharcados. Partes do local não tinham acesso por conta da quantidade de água.

Caso Scarpa e a polêmica com a CBF

De forma documental, o meia Gustavo Scarpa não é mais jogador do Palmeiras. Ele foi excluído do BID (Boletim de Informativo Diário) da CBF e reinserido no quadro do Fluminense.

O jogador deixou o clube carioca após brigar por salários atrasados e dívidas gerais. Sem acordo, saiu do Rio de Janeiro e veio para São Paulo baseado em liminar, que foi cassada.

A CBF agiu de maneira bastante polêmica e curiosa. Acelerou o processo e pediu que o TRT enviasse um resumo da decisão, antes mesmo do acórdão. A rapidez com que a CBF tomou atitude causou estranheza nos advogados e na diretoria do Palmeiras.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Palmeiras

Pessoas mais próximas a Confederação disseram que tal prática não é nada comum. Já os representantes do Fluminense, como era de se esperar, não viram nenhum problema.

O caso levantou polêmicas nas redes sociais. Palmeirenses criticaram a postura da CBF e a acusaram de priorizar o lado do time carioca, já que a confederação também fica no Rio de Janeiro. Além disso, alguns membros que trabalham por lá torcem para o Tricolor das Laranjeiras, apontado por alguns alviverdes.

O Palmeiras vai tentar anular a audiência que levou à queda da liminar. As estratégias jurídicas ainda não foram adotadas, e o Verdão está bem tranquilo sobre o tema. De acordo com André Sica, advogado titular do clube paulista, o 'torcedor pode ficar tranquilo'. A queda da liminar já era prevista, diz Sica. Ou seja, o Verdão já tinha ciência de que essa derrota poderia ocorrer e já estava se preparando com argumentos. Logo, rebater a decisão ficará mais fácil.

Sem Jaílson!

O goleiro Jaílson vai cumprir o segundo jogo da suspensão imposta pelo Tribunal de Justiça Desportiva. O órgão puniu o goleiro alviverde com três partidas, após polêmicas envolvendo o clássico contra o Corinthians, em Itaquera.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo