O Futebol italiano vive um momento difícil neste domingo (4). O zagueiro e capitão da Fiorentina, Davide Astore, de apenas 31 anos, foi encontrado morto na concentração da equipe.

A Fiorentina estava hospedada em um hotel de Udine porque enfrentaria a Udinese por mais uma rodada do Campeonato Italiano, neste domingo.

Logo cedo, os jogadores acordaram, tomaram café e se preparavam para uma corrida matinal.

Publicidade
Publicidade

Foi aí que acharam estranho o fato de Astore não estar junto com eles.

Diante da situação, alguns atletas foram ao quarto do jogador para ver o que estava acontecendo. Eles bateram na porta e não foram atendidos. Em seguida, decidiram forçar a porta e entrar no local.

Encontraram Astori morto. O clima de desespero tomou conta da concentração. Os médicos foram chamados e constataram a morte do atleta de apenas 31 anos.

Publicidade

As informações iniciais são a de que ele teria sofrido um ataque cardíaco enquanto dormia sozinho no quarto da concentração.

O ponto triste da história, além da morte do zagueiro, é o fato de ele ter sido pai a apenas duas semanas.

Cancelamento

O jogo da equipe de Florença contra a Udinese foi cancelado imediatamente e, em seguida, toda a rodada do Campeonato Italiano também foi. Os jogos ainda não têm nova data para acontecer.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol

Neste momento, o futebol italiano vive seu luto profundo e a rivalidade foi deixada de lado. Nas redes sociais, perfis oficiais dos clubes lamentaram a morte e prestaram solidariedade à família, à Fiorentina e aos torcedores da equipe.

O perfil oficial da Fiorentina lamentou a morte e disse estar profundamente abalada com a repentina morte de Davids Astori. O clube pediu ainda para que todos tenham sensibilidade neste momento difícil.

Davide Astore

O zagueiro de 31 anos defendeu a seleção italiana na Copa do Mundo de 2014, no Brasil. No futebol profissional, Astore jogou na Roma antes de chegar à Fiorentina.

O clube da capital do país lamentou a morte do atleta. Pela seleção da Velha Bota, Astori jogou 14 vezes e marcou um gol. As convocações para a seleção foram a confirmação do bom trabalho pelos clubes onde jogou.

Astori fará muita falta à Fiorentina, ao mundo do futebol e especialmente à família. Pai há duas semanas, o atleta estava muito feliz com este novo momento na vida pessoal.

Publicidade

Homenagem

A rodada do Campeonato Italiano foi cancelada - estava marcado para este domingo o clássico entre Milan e Internazionale. Nós campeonatos europeus, Astori será homenageado. No Brasil, muitas partidas terão um minuto de silêncio.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo