Ao final do ano passado, começou a rodar uma grande especulação, em jornais brasileiros e espanhóis, de que o Barcelona estaria com a intenção de antecipar a ida do zagueiro colombiano Yerry Mina para a Catalunha, pois o clube estaria precisando do atleta, após uma lesão do então titular Umtiti.

No entanto, Mina foi ao Barcelona de forma antecipada, já que o combinado é que sua venda só se concretize depois da Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Mas o Barça pagou cerca de R$ 30 milhões ao Palmeiras para ter o zagueiro no começo de janeiro.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Palmeiras

Para o alviverde da capital a negociação foi muito vantajosa, já que o jogador sairia de qualquer forma do clube, seja no começo ou ao final do ano, tendo lucrado um pouco mais em cima da venda do atleta com esta negociação, fazendo o Mina uma das contratações mais rentáveis da história do Palmeiras, por conta da sua venda ao Barcelona.

Vai sair?

Mina sofre um momento difícil no Barcelona, pois chegou ao clube catalão, jogou um pedaço de uma partida, pelo Campeonato Espanhol, mas agora não chega nem a ser relacionado para os confrontos, por conta da falta de espaço no elenco do Barça.

Na última partida, clássico contra o Atlético de Madrid, o técnico Ernesto Valverde optou por não escalar Yerry Mina para ficar, nem ao menos no banco de reservas, e como o zagueiro colombiano chegou com certa moral por ser um goleador, a imprensa acabou questionando-o sobre a causa da não escalação.

Portanto, Valverde afirmou que o Mina chegou tarde demais ao Barcelona e que, agora, os titulares são Piqué e Umtiti, sendo esses dois completamente incontestáveis, mas Mina não é nem o primeiro reserva, segundo o técnico. Para Ernesto, o reserva imediato da dupla é o Vermaelen, que tem uma qualidade técnica absurda e vive um grande momento.

Agora, a saída de Yerry Mina do Barcelona ganha ainda mais força, a diretoria do clube está estudando emprestá-lo para algum outro clube europeu, de menor porte, assim ele ganharia experiência no futebol do velho continente e, posteriormente, retornaria a defender o Barcelona.

De volta ao Palmeiras?

É claro que voltar ao Brasil para jogar no Palmeiras novamente seria um grande retrocesso para o atleta, uma vez que o Barcelona quer que ele pegue o ritmo do futebol europeu, bem diferente do sul-americano. Entretanto, mesmo com isso, os torcedores palmeirenses vem pedindo a sua volta [VIDEO].

O Palmeiras não tem um zagueiro de renome, no momento, e por conta disso sente a carência de Yerry Mina [VIDEO].