O Real Madrid já está planejando a próxima temporada e pensa em várias soluções. No entanto, Florentino Pérez já sabe que nem tudo vai correr como ele deseja e tem alguns reforços em agenda que, dificilmente, ele vai conseguir convencer para o seu time. Para começar, ele tem a situação mais complicada, que é Neymar. Mas, não ficam por aqui as dores de cabeça. Agora, o Real queria um dos atacantes mais desejados do mercado de transferências, mas ele se recusa a jogar do lado de Cristiano Ronaldo. [VIDEO]

Neymar é muito difícil

No Real Madrid, ninguém nega que o desejo número um continua sendo Neymar. [VIDEO] E o astro brasileiro até pretende sair do PSG, mas sua situação é muito complicada.

O atacante custou 220 milhões de euros para os franceses, que não estariam dispostos em vendê-lo por um valor abaixo dos 400 milhões de euros. O valor é assustador, mas não é só isso.

Neymar tem outros interessados e até poderia gostar mais da possibilidade de se mudar para Manchester. A Premier League interessa ao craque da seleção brasileira. Ele sabe que tanto no Manchester United, como no City, seria a estrela maior da equipe, ao contrário do Real, onde ele deveria dividir protagonismo com Cristiano Ronaldo. A imprensa inglesa também dá conta que o United, de Mourinho, tem o forte apoio da Chevrolet para comprar uma estrela planetária, que potenciasse a marca de luxo pelo mundo. E Neymar seria um dos favoritos.

Astro inglês diz 'não' ao Real Madrid

E se Neymar está difícil, Florentino Pérez recebeu um 'não' tão doloroso quanto definitivo.

Em sua tentativa de atrair vários galácticos para a próxima temporada, o presidente madrilenho ficou sem um dos seus objetivos prioritários. Nada mais e nada menos que Harry Kane. O atacante inglês está cansado de esperar pelos merengues e ver como outros atacantes soam para reforçar o time branco. Se a aposta não for total por ele, ele prefere não saber de nada.

O atacante inglês, artilheiro do ano de 2017, tem outras propostas para deixar o Tottenham. Times como o Manchester City também estão atrás dele. Mas, mesmo assim, ele não descarta seguir outra temporada sob as ordens de Pochettino, em Londres.

Kane sabe que, enquanto estiver no Tottenham, terá o carinho do seu povo e será valorizado em todo o mundo. Às vezes, dar o salto para um colosso como o Real não é um passo em frente, mas muito pelo contrário. E ele tem o exemplo do galês Gareth Bale.

Se recusa em jogar com Cristiano Ronaldo

Harry Kane não teria gostado nem um pouco que o Real Madrid mantivesse contato com Robert Lewandowski.

O inglês foi avisado que ele era o favorito da diretiva de Madrid, até que ele ficou sabendo que o time também estava avançando sobre o atacante do Bayern de Munique. Além disso, Kane não vê nada claro para chegar a uma equipe que vive em redor de Cristiano Ronaldo. O internacional português vem mostrando que não há nenhum outro goleador como ele, e Kane tem medo de ser ofuscado pelo camisa 7 do Real Madrid.

Com tudo isso, parece cada vez mais certo que Kane não vai jogar no Real Madrid na próxima temporada.