Como já virou costume no Brasil, a 3ª rodada do Campeonato Brasileiro de futebol se encerrou na noite deste domingo, dia 29, com muitas reclamações e polêmicas sobre a arbitragem.

Na partida entre Atlético-MG e Corinthians, relizada no estádio do Independência, em Belo Horizonte, houve muita reclamação da parte do Galo. Isso porque o árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva anulou o gol marcado por Roger Guedes aos 37 minutos do primeiro tempo mais de dois minutos após o lance.

Publicidade
Publicidade

O Juiz alegou que a bola foi desviada com um toque de mão de Ricardo Oliveira no lance que originou o gol. A demora para anular o tento gerou extrema revolta dos atleticanos e deixou a torcida na bronca. Sobrou até para um repórter do Spotv que fazia a cobertura do jogo de dentro do campo e foi injustamente apontado como culpado de ter alertado a arbitragem sobre o lance pelo torcida. Acontece que o profissional estava apenas levantando uma informação referente a um cartão amarelo aplicado pelo juiz em lance realizado minutos depois do gol já ter sido invalidado.

Publicidade

No fim, o Galo conseguiu marcar novamente com Roger Guedes aos 41 minutos do segundo tempo, garantindo a vitória por 1 a 0 que freou a arrancada corintiana e levou o galo à terceira colocação no Brasileirão, com 6 pontos, mesmo número que o Timão, que vem em segundo. Em primeiro lugar está o Flamengo, com 7 pontos. O Rubro Negro visitou o Ceará no Castelão e venceu por 3 a 0, com dois gols de Vinícius Júnior e um de Diego.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Brasileirão

Duelo de tricolores acaba com reclamações dos dois lados no Maracanã

Além do Independêcia, o campeonato também contou com reclamações sobre a arbitragem no Maracanã, onde o Fluminense recebeu o São Paulo. O Tricolor Paulista abriu o placar aos 22 do primeiro tempo, com uma cabeçada de Éder Militão. A primeira polêmica com o juiz aconteceu ainda no primeiro tempo, quando Ayrton Lucas cruzou e Arboleda desviou.

Os cariocas reclamaram de toque de mão e pediram pênalti, mas o árbitro Rodolpho Toski Marques não deu.

Precisando correr atrás do resultado em casa, o Fluminense foi pra cima do São Paulo na segunda etapa, e conseguiu o empate já no final do jogo. Aos 43, Robinho cruzou e Pedro subiu para cabecear e deixar tudo igual. E teve mais polêmica, com Arboleda reclamando que teria sido empurrado pelo atacante no lance que resultou no tento.

Publicidade

Com o placar, o São Paulo está na 5ª colocação, com 5 pontos. O Flu vem em décimo, com 4 pontos.

Palmeiras tem gol mal anulado no Allianz Parque

E também teve reclamação sobre a arbitragem no empate em 0 a 0 entre Palmeiras e Chapecoense, em partida disputada no Allianz Parque. No apagar das luzes, Antônio Carlos recebeu cruzamento de Dudu e cabeceou para o fundo gol na última jogada da partida.

Publicidade

Aquele que seria o gol da vitória Alviverde foi anulado pelo juiz, que alegou posição irregular do palmeirense. Acontece que Antônio Carlos estava em posição legal, e o lance revoltou os atletas do Verdão. O Palmeiras soma 5 pontos e está na 7ª colocação. Já a Chape tem 2 pontos e está em 16º lugar.

Além dos jogos citados, o domingo do Brasileirão contou também com empate em 0 a 0 entre Bahia e Atlético-PR; Vitória do Sport sobre o Paraná por 2 a 1; empate em 0 a 0 entre Internacional e Cruzeiro. Hoje, ás 20h, o América-MG recebe o Vitória no Independência na partida que irá encerrar a rodada. Outra partida da 3ª rodada, Santos e Vasco foi adiada para o dia 16 de julho em virtude das partidas das duas equipes pela Copa Libertadores da América.

O Santos visita o Nacional em Montevidéu, no Uruguai, na noite desta terça-feira, dia 1º, a partir das 21h30. O Alvinegro é o líder do grupo F, com 9 pontos, e pode garantir a classificação para as oitavas e a primeira posição na chave. Já o Vasco pega o Cruzeiro na quarta-feira, dia 2, em São Januário. O Cruzmaltino está na última posição do grupo E, com 2 pontos, e precisa de uma vitória para continuar sonhando com a classificação para a próxima fase. O Cruzeiro está na segunda posição da chave, com 5 pontos, três a menos que o líder Racing.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo