Na medida em que a Copa do Mundo [VIDEO] vai se aproximando, também cresce o temor de jogadores com presença praticamente garantida no mundial sofrerem contusões e acabarem não sendo chamados para defenderem seus países. E (tristes) histórias assim não faltam no mundo do futebol, com atletas sendo cortados por vários motivos, desde um acidente doméstico, com um vidro de perfume caindo no pé e provocando um profundo corte, e até mesmo em um simples rachão, no caso do meia Émerson em 2002, que acabou pondo fim ao sonho de disputar o mundial.

Agora o drama ronda um jogador da Seleção Brasileira, frequentemente convocado pelo técnico Tite.

Na partida deste domingo (22),diante do Ceará, no estádio Castelão, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, o zagueiro Rodrigo Caio, do São Paulo, [VIDEO] deixou o campeonato aos prantos após o apito final do árbitro. Dez minutos antes, em um contra-ataque do time da casa, ele sentiu estalo no pé esquerdo e, mesmo com muitas dores, seguiu em campo até o final do jogo, uma vez que o técnico Diego Aguirre já havia feito as três alterações.

Um repórter de TV que estava próximo ao local onde o jogador estava sendo atendido ouviu o médico do Tricolor dizer que achava que o zagueiro tinha quebrado o pé. “Temos que esperar, ele vai fazer um exame, tomara que não”, disse o técnico Diego Aguirre durante entrevista coletiva, não querendo se alongar muito no assunto. O jogador passará por exames ainda na capital cearense.

A convocação final para a Seleção Brasileira está marcada para o dia 14 de maio. Na última quinta-feira (19), quando o São Paulo recebeu o Atlético Paranaense pela Copa do Brasil, o técnico Tite esteve no Morumbi para observar melhor o jogador.

O jogo

Sem muita criatividade, o São Paulo não saiu do 0 a 0 contra o Ceará, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Durante praticamente toda a partida os dois goleiros pouco trabalharam, mas nos instantes finais apareceram bem para segurar o resultado.

Com o empate sem gols diante do Fortaleza, o São Paulo chegou aos quatro pontos no Campeonato Brasileiro e é uma das únicas equipes que ainda não sofreu gols. O time volta a jogar no próximo domingo (29), novamente fora de casa, quando irá até o estádio do Maracanã encarar o Fluminense, pela terceira rodada.

Já o Ceará, que ainda busca vencer a primeira na competição, também volta a campo no domingo, novamente em casa, quando recebe o Flamengo, às 16 horas.