O goleiro Vanderlei foi o grande nome do Santos na vitória sobre o Estudiantes por 1 a 0, nesta quinta-feira (5), na Argentina, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. Com mais uma atuação monstruosa, o arqueiro santista ajudou a segurar o resultado que deu a liderança isolada do grupo 6 ao Peixe, além de ser eleito, com plena justiça, o melhor jogador da partida. Após o apito final do árbitros, não faltaram elogios ao goleiro, que tem seu nome muito pedido na Seleção Brasileira.

Um dos que não pouparam palavras positivas ao jogador foi o zagueiro David Braz, que ainda fez um pedido para toda a equipe.

“Nos últimos anos mostrou que é um dos melhores goleiros, se não o melhor goleiro, da atualidade no Brasil”, disse o defensor, que contra a equipe argentina, atingiu a marca de 200 jogos com a camisa do Santos. Ainda sobre Vanderlei, o zagueiro fez uma revelação, que poderia até mesmo mudar a história da partida.

Ele contou que no treino realizado na véspera, Vanderlei se chocou contra outro companheiro e ficou sentindo fortes dores do dedo. “Todos achavam que ele não ia para a partida”, disse.

Com relação ao importante resultado conquistado fora de casa, Braz ressaltou que ele irá valer apenas se o time fizer o dever de casa no jogo do dia 24 de abril, na Vila Belmiro, e fez um pedido para o elenco. “Vai ficar ainda mais importante (o resultado) se fizermos o nosso dever de casa”, disse o jogador, lembrando que em torneios como a Copa Libertadores sempre é importante fazer os pontos quando se joga em seu campo.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Santos Libertadores

“O pensamento do grupo é esse. Fizemos um grande resultado aqui”.

David Braz também lamentou o fato de o Santos ter ficado fora da decisão do Campeonato Paulista, por outro lado, ele acredita que esse período sem jogos – o próximo compromisso será apenas no dia 14, pela estreia do Campeonato Brasileiro contra o Ceará – será importante para que o grupo se recupere fisicamente, ajustar detalhes e chegar forte nas competições.

Esse período de descanso citado por Braz será fundamental para o técnico Jair Ventura, que assim poderá recuperar melhor seus atletas, como é o caso do próprio zagueiro, que mesmo com um edema na coxa esteve em campo para ajudar a equipe. Outro que também pode alcançar plena recuperação nesse hiato de oito dias é o volante Léo Cittadini, que sofreu lesão muscular. Eduardo Sasha e Rodrygo, com desgaste físico, são outros que também poderão agora ter melhor recuperação.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo