A novela envolvendo o lateral-esquerdo Zeca e o Santos, que durou quase seis meses, finalmente teve um fim. Durante a briga judicial, o presidente José Carlos Peres, na tentativa de ganhar um dinheiro com o jogador, [VIDEO] estipulou um valor de aproximadamente 28 milhões de reais pelo medalhista olímpico com a Seleção Brasileira. Nenhum time se interessou em pagar tal quantia e na semana ele foi envolvido em uma troca com o Internacional pelo atacante Eduardo Sasha. O clube ainda manteve um percentual sobre os direitos econômicos do jogador, porém a curto prazo não obterá qualquer receita com ele. Em razão disso, a diretoria santista colocou preço em outro atleta de seu elenco.

Agora a aposta da diretoria em fazer caixa recai em outro jogador que está afastado do elenco, porém este não entrou em nenhuma disputa com os dirigentes e sua ausência dos jogos jogo se dá meramente por questões técnicas. Depois de ser titular no início da temporada, mas cair drasticamente de rendimento, o colombiano Copete se tornou um dos jogadores negociáveis do clube e por ele a cúpula santista está pedindo 5 milhões de euros, pouco mais de 20 milhões de reais, exatamente o valor que o Peixe pagou para tirá-lo do Atlético Nacional em 2016.

Quanto vale o show?

A justificativa da diretoria para tal cifra é que na gestão de Modesto Roma Júnior, o clube havia recebido uma proposta de 7 milhões pelo jogador, mas a oferta foi recusada. O contrato de Copete com o Santos vai até 2020 e tanto o jogador quanto o clube aguardam pela chegada de propostas oficiais.

No começo da temporada, enquanto ainda vivia grande fase, o jogador recebeu sondagens para voltar ao seu antigo clube e também para jogar no Atlético Mineiro, porém na ocasião ele ainda era um dos titulares e estava nos planos do treinador santista.

Porém, no decorrer do estadual, o jogador foi perdendo espaço e passou a ser criticado pelos torcedores. Sua última aparição em campo [VIDEO] foi na última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista, quando o Peixe perdeu para o São Bento de Sorocaba, por 3 a 1, na Vila Belmiro. Mesmo com Jair optando por uma equipe totalmente reserva, o colombiano entrou apenas na metade do segundo tempo e foi vaiado. O atacante acabou sentindo a pressão vinda das arquibancadas e até mesmo teria pedido para o treinador não mais utilizá-lo antes de ser negociado. Com a camisa do Santos, Copete disputou 92 partidas e balançou as redes em 24 oportunidades.