Nesta sexta, o Fluminense [VIDEO] liberou a venda de ingressos para a sua estreia na Copa Sul-Americana. Na quarta, às 21h45 (de Brasília), o Tricolor das Laranjeiras receberá, no Maracanã, o Nacional Potosi, da Bolívia.

A princípio, apenas os Setores Sul e Leste Inferiores, ambos custando R$ 50, além dos camarotes, negociados a R$ 10 para sócios e R$ 150 ao torcedor-comum, foram disponibilizados. Caso a demanda seja grande, outros setores serão abertos de forma gradativa.

Quem aderiu aos programas 'Tricolor de Coração' e 'Pacotão Futebol' terá acesso gratuito ao Maracanã, dirigindo-se somente para o Setor Leste. Já o 'Eterno Amor', o 'Construa o CT' e o 'Pacote Jogos' darão, cada um, desconto de 60% nos preços dos ingressos.

Esses torcedores poderão ficar nos três setores disponibilizados até o momento.

Em entrevista concedida ao Lancepress e ao portal Terra, o CEO do Fluminense, Marcus Vinícius Freire, revelou que o clube vem negociando uma parceria com o Consórcio Odebrecht para viabilizar o Maracanã como o local onde o Tricolor exercerá os seus mandos de campo. Além da arrecadação nas bilheterias, a construção de uma loja oficial dentro do estádio, a exposição dos patrocinadores e a ornamentação dos camarotes com as cores da agremiação das Laranjeiras são algumas das estratégias a serem adotadas após o contrato ser assinado.

Esta será a sétima participação do Fluminense [VIDEO] na Copa Sul-Americana. O seu melhor resultado veio na temporada de 2009. Naquela ocasião, sob o comando de Fred e de Dario Conca, o Tricolor passou por Flamengo, Alianza Atlético (Peru), Universidad de Chile e Cerro Porteño (Paraguai) até chegar à decisão contra a LDU de Quito e, assim como havia acontecido na Libertadores do ano anterior, os equatorianos, mesmo perdendo por 3 a 0 no Maracanã no jogo de volta, foram os carrascos da equipe cariocas e asseguraram o título, pois, na ida, golearam pelo placar de 5 a 1.

Em 2018, o Fluminense também disputou a Sul-Americana. Na primeira fase, eliminou o Liverpool, do Uruguai, após vencer por 2 a 0 no Maracanã e perder apenas de 1 a 0 em Montevidéu. Na etapa seguinte, o adversário foi a Universidad Católica de Quito e o Tricolor, com uma goleada de 4 a 0 no Rio e uma vitória de 2 a 1 no Equador, não teve qualquer problema para se classificar.

Na terceira fase, mais uma vez, o 'fantasma' da LDU. Só que, dessa vez, o Flu, após vencer por 1 a 0 no Maracanã, acabou sendo favorecido pelo critério do gol como visitante e avançou mesmo perdendo por 2 a 1.

Até que veio o Flamengo, dois jogos no Maracanã. Depois de perder por 1 a 0, o Fluminense chegou a abrir 3 a 1 no clássico de volta, mas bobeou e permitiu o empate de 3 a 3, resultado que ocasionou a sua eliminação do torneio.