O Palmeiras venceu o Corinthians na primeira decisão do Campeonato Paulista 2018. O Verdão bateu o Alvinegro em Itaquera por 1 a 0 e ficou perto do título Estadual. Apesar da proximidade, o discurso interno é de que 'não se ganhou nada ainda'. O grupo tem consciência de que existe o segundo jogo e tudo pode mudar.

O técnico Roger Machado conversa diariamente com o elenco sobre isso. Hoje o Palmeiras volta a campo pela Copa Libertadores da América.

Publicidade
Publicidade

Encara o Alianza Lima, do Peru, pela segunda rodada da competição. O jogo é tão importante quanto a decisão, porque pode deixar o Alviverde bem próximo da vaga para a segunda fase.

Machado deve fazer algumas mudanças no elenco. Moisés deve ser titular, assim como o volante Felipe Melo (que foi expulso sábado e não jogará no próximo domingo). Marcos Rocha também não deve jogar por conta de cansaço e desgaste muscular. Será um time bem diferente do que o torcedor viu sábado.

Publicidade

Acordo por Gustavo Scarpa

É fato que o meia Gustavo Scarpa está fazendo falta. O elenco sentiu, a torcida sentiu e quem entende de Futebol sabe do que ele é capaz. Scarpa está em litígio com o Fluminense e deve esperar pelo menos mais 12 dias pela nova reunião de resolução amigável na Justiça. O jogador não quer abrir mão do que o clube carioca deve, e pode ser que surja um acordo.

A diretoria do Palmeiras não quer e não pode se meter no assunto.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Palmeiras

É processo de cunho pessoal do jogador. Mas o clube está dando todo amparo jurídico necessário para que Scarpa saia vencedor. A ideia é que já no meio de abril o Palmeiras conte com os serviços do atleta.

O Palmeiras pode envolver alguns jogadores na negociação. O meia Hyoran, por exemplo, é uma grande possibilidade de negócio. Sem espaço, o jogador pode ser cedido em definitivo para o clube da Laranjeiras.

O diretor de futebol do Fluminense, Autuori, entende que um acordo pode ajudar. O dirigente afirmou que Scarpa não quer diálogo nenhum com o clube e que isso dificulta um pouco o negócio.

Já Alexandre Mattos, executivo de futebol do Palmeiras, afirmou que prefere esperar o resultado da Justiça para poder entrar no processo. Se Scarpa for derrotado, o Palmeiras conversará diretamente com o Fluminense e pode oferecer um jogador e compensação em dinheiro.

Publicidade

O executivo entende que Scarpa será jogador do Alviverde de novo em breve e tranquiliza o torcedor.

No domingo, um empate dá o título do Paulistão ao Palmeiras no Allianz Parque. Pode ser a terceira conquista Alviverde no local.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo