Na noite desta segunda, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou algumas mudanças no confronto entre Fluminense e Chapecoense, válido pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Anteriormente marcada para o domingo, dia 27 de maio, a partir das 19h (de Brasília), a partida foi antecipada em um dia e terá início às 16h (de Brasília). O local está mantido para o Maracanã.

Com essas alterações, a CBF, de maneira indireta, acabou provocando um pequeno empecilho.

Publicidade
Publicidade

No mesmo sábado, dia 26 de maio, às 15h45 (de Brasília), será disputada, no Estádio Nacional de Kiev, na Ucrânia, a decisão da Liga dos Campeões da Europa.

A definição dos finalistas do torneio mais importante do 'Velho Continente' acontecerá ao longo desta semana. Na terça, o Real Madrid, da Espanha, após vencer por 2 a 1 fora de casa, recebe o Bayern de Munique, da Alemanha, no Santiago Bernabéu podendo empatar ou perder por 1 a 0.

Publicidade

Os visitantes só se classificam direto se vencerem por dois ou mais gols de diferença. Caso os alemães devolvam o placar da ida, haverá uma prorrogação de 30 minutos e, não tendo mais gols, ambos decidirão a vaga nos pênaltis. Na quarta, o Liverpool, amparado por uma goleada de 5 a 2 no Anfield Road, na Inglaterra, vai ao Estádio Olímpico de Roma, na Itália, para enfrentar a Roma com a vantagem de poder ser derrotado por dois gols de diferença. Já o time da Cidade Eterna necessitará, pelo menos, repetir os históricos 3 a 0 sobre o Barcelona para estar na decisão da Liga.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol Fluminense

Tabu

Equipe que ganhou o carinho do Brasil e do Mundo após o desastre aéreo de novembro de 2016, na Colômbia, na antevéspera do jogo de ida da final daquela Copa Sul-Americana, a Chapecoense é uma verdadeira 'pedra no sapato' do Fluminense. Em nove jogos ao longo da história, o Tricolor não sabe o que é vencer o time do Oeste de Santa Catarina. Foram três empates e seis derrotas.

No Brasileirão do ano passado, o Fluminense empatou com a Chapeconese por 3 a 3 no Giulite Coutinho, em Édson Passos, região metropolitana do Rio de Janeiro e, na Arena Condá, sofreu um revés de 2 a 0.

Antes de tentar esse incômodo tabu, o Fluminense terá uma verdadeira maratona. No próximo domingo, às 16h (de Brasília), enfrenta, no Barradão, o Vitória-BA pelo Campeonato Brasileiro. Na quinta seguinte, a partir das 21h30 (de Brasília), na altitude de Potosi, na Bolívia, mede forças contra o Nacional de lá, no jogo de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana. Para finalizar, o Tricolor retorna ao Brasileirão na segunda, 13 de maio, encarando, às 20h (de Brasília), no Nilton Santos, o Botafogo.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo