O Palmeiras está na Argentina. A delegação chegou na madrugada desta terça-feira (24) em Buenos Aires para o duelo contra o Boca Juniors, no Estádio de La Bombonera, nesta quarta (25). O jogo é válido pela quarta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América.

A vitória contra os argentinos pode encaminhar a classificação. Se chegar aos 10 pontos e manter o Boca com cinco, o Verdão ficará tranquilo na tabela. Ainda enfrentará o Alianza Lima-PER fora de casa e, na última rodada, recebe o Júnior Barranquilla no Allianz Parque.

O técnico Roger Machado não deve fazer grandes alterações. Edu Dracena deve ser mantido no setor defensivo e Thiago Martins continua na reserva.

Miguel Borja será titular. O desfalque da vez fica por conta do venezuelano Alejandro Guerra, que não viajou para tratar dores no quadril. Ausência importante para Machado.

Processo arquivado?

Nesta terça-feira, o TJD-SP (Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo) optou por arquivar o processo sobre o suposto caso de interferência externa na decisão do Campeonato Paulista. Na ocasião, o atacante Dudu foi derrubado na área por Ralf e o juiz Marcelo Aparecido apontou a penalidade. Momentos depois voltou atrás.

O Palmeiras anexou diversas imagens ao processo, mas ainda assim o auditor do caso, Marcelo Monteiro, entendeu que as provas não eram ‘’nem mínimas’’ para comprovar a interferência. Pouco antes da audiência, a diretoria palmeirense contratou a Kroll, empresa de investigação que atua em todo o mundo.

Ela produziu seu primeiro relatório e anexou algumas fotos da decisão estadual. Nela, Marcio Verri Brandão, diretor da partida, aparece mexendo em seu smartphone dentro do campo. A prática é proibida.

Mesmo com a decisão revogada, o Palmeiras pretende levar o caso para esferas maiores. O clube [VIDEO] entrará com pedido de impugnação até quinta-feira (26) e o caso deve chegar ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o STJD. Lá deve ser analisado.

Se ainda não for o bastante, o Alviverde pode levar o caso para o CAS (Corte Arbitral do Esporte), na Suíça. A análise pode anular a decisão do Paulistão. Se isso acontecer, um novo jogo pode ser marcado ou a taça dividida entre os dois clubes.

Desembarque

A delegação chegou a Argentina de madrugada. Cerca de 30 palmeirenses aguardavam os jogadores na porta do hotel. O atacante [VIDEO] Dudu foi hostilizado. Assim que as imagens chegaram no Brasil, palmeirenses se manifestaram a favor do atacante nas redes sociais.