O Campeonato Brasileiro da Série B começou neste final de semana, quando 20 equipes, sendo duas que já conquistaram o título da primeira divisão, no caso Guarani e Coritiba, iniciaram a luta para voltar à elite do futebol nacional. A competição é caracterizada por ser muito acirrada, quando um time pode estar lá embaixo e em poucas rodadas figurar na parte de cima da tabela, como também pode fazer o caminho inverso.

Publicidade
Publicidade

E quem sofre muitas vezes com essa oscilação são os treinadores, e é muito comum times trocarem duas ou até mesmo três vezes de comando. Porém, nesta edição, a dança dos treinadores já começou com tudo e mal houve tempo para terminar a primeira rodada para que se iniciassem as trocas. A primeira vítima foi Sandro Fromer, demitido do Coritiba após derrota por 1 a 0 para o Sampaio Correia.

O treinador, que antes treinava o time sub 20, havia assumido o comando no Coxa logo no começo da temporada, porém, o desempenho do time foi bastante irregular, além de perder a decisão do Campeonato Paranaense para o rival Atlético e ser eliminado na Copa do Brasil, na terceira fase, pelo Goiás.

Publicidade

Ele dirigiu o time em vinte jogos, conquistando apenas sete vitórias, cinco empates e sofrendo oito derrotas, a última delas que culminou em sua demissão.

Eduardo na área

A diretoria do Coritiba agiu rápido e nesta segunda-feira (16), já anunciou a contração de Eduardo Baptista, que dirigiu a Ponte Preta em parte do Campeonato Paulista. Essa será a segunda passagem do treinador pelo futebol paranaense, uma vez que no ano anterior comandou o Atlético Paranaense em algumas rodadas do Campeonato Brasileiro.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol

“Estou feliz, time grande, desafio grande e muito motivado”, disse o novo treinador do Coxa em entrevista ao Blog da Nadja.

Baptista é esperado nesta terça-feira (17) na capital paranaense e junto com ele virá o auxiliar Gustavo Bueno. No entanto, sua estreia no banco do novo time será apenas na terceira rodada da Série B, no dia 27 de abril, quando a equipe recebe o Criciúma, no Couto Pereira. Para a partida desta terça, diante do Atlético Goianiense, válida pela segunda rodada, o time será dirigido de forma interina pelo auxiliar técnico Tcheco.

Este será o quinto clube da carreira de Eduardo Baptista como treinador. Ele surgiu no Sport Recife em 2015, quando fez um grande trabalho no Brasileirão daquele ano, o que lhe rendeu um convite para treinar o Fluminense naquele mesmo ano, onde acabou não se dando bem, sendo demitido no início de 2016. Contratado pela Ponte Preta, conduziu a Macaca em uma ótima campanha no Brasileiro e ai final daquele ano aceitou o convite para substituir Cuca no Palmeiras.

Publicidade

Tendo que conviver com a sobra do ex-treinador, ele foi demitido às vésperas do Campeonato Brasileiro. Depois teve uma rápida passagem pelo Furacão e retornou à Ponte, mas desta vez não obteve o mesmo rendimento e o time de Campinas acabou rebaixado para a Série B.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo