Nos dias atuais, depois da globalização do futebol, o desejo de um garoto não é mais atuar e ser campeão por um time de grande torcida do Brasil e fazer sucesso com a camisa da Seleção Brasileira. Dez em cada dez garotos que estejam jogando em alguma escolinha vão responder que seu grande sonho é atuar na Europa e defender a seleção nacional fica em segundo plano.

Uma parte desses garotos, após se tornarem profissionais acaba, de fato, realizando o desejo e indo para o Velho Continente.

Publicidade
Publicidade

Porém, nem sempre a passagem por lá é como sonhou e o atleta acaba voltando tempos depois para o país.

A história é mais ou menos parecida com a do atacante Gabriel, que brilhou com a camisa do Santos, foi negociado com a Inter de Milão e sua passagem na Europa se resumiu a dois gols, um pelo time italiano e outro pelo Benfica, time ao qual foi emprestado. De volta ao Peixe, o jogador não teve sua confiança abalada e espera em retornar ao futebol europeu.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Santos PaixãoPorFutebol

“Sim, eu tenho o desejo de voltar. Eu realmente gosto do carinho dos fãs”, disse o jogador, em entrevista a um canal oficial da Internacionale. O atual camisa 10 santista, no entanto, não quis cravar quando isso irá acontecer, se limitando a dizer que “isso será definido no futuro”.

Gabriel voltou ao Santos no começo deste ano e logo nos quatro primeiros jogos balançou as redes adversárias. No entanto, o jogador também atravessou uma fase ruim, ficando várias rodadas sem marcar gols, jejum que só foi quebrado na partida contra o Estudiantes, há duas semanas, quando ele anotou um dos gols da vitória por 2 a 0, na Vila Belmiro, pela Copa Libertadores da América. Porém, nas duas últimas partidas, contra Nacional e Grêmio, voltou a passar em branco.

Publicidade

Ânimos exaltados

A derrota por 5 a 1 para o Grêmio, nesse domingo (6), em Porto Alegre (RS), deixou os jogadores santistas bem exaltados. Já nos acréscimos da partida, as câmeras de TV flagraram uma discussão entre o goleiro Vanderlei e o meia Alisson. O jogador não gostou de ser cobrado pelo goleiro e disparou xingamentos contra ele. Ambos tiveram que ser separados pelo zagueiro Lucas Veríssimo.

Na saída do campo, o zagueiro David Braz comentou o ocorrido.

“Normal pelo resultado, não jogamos bem”. Para o defensor, isso é coisa que acontece, de um falar e o outro não querer aceitar e que os dois jogadores são grandes amigos.

“É bom porque ninguém está feliz com o resultado”, avaliou o santista, que também impediu que Vanderlei falasse com a imprensa. Segundo o jogador, a intenção era blindar o companheiro de polêmicas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo