Nesta terça-feira (22), foi realizado na sede da Federação Paulista de Futebol, em São Paulo, o conselho arbitral da próxima edição da Copa Paulista, prevista para começar em agosto, quando foram conhecidos os times participantes e definidos os grupos da primeira fase. Ao todo, serão 27 times brigando por uma vaga no Campeonato Brasileiro [VIDEO] da Série D e da Copa do Brasil do próximo ano.

Na primeira fase, os times foram distribuídos em quatro grupos regionalizados, sendo um grupo com seis times e outros três com sete clubes. Na primeira fase, eles jogarão entre si em turno e returno. Os quatro melhores de cada chave avançam para a segunda fase, quando formarão quatro novos grupos, que jogarão novamente entre si em turno e returno.

Os dois primeiros colocados de cada grupo passam para as quartas de final. A partir daí, o torneio passa a ser jogado em sistema eliminatório.

Nas quartas de final, em caso de empate no placar agregado, o classificado será decidido na disputa de pênaltis. Até o ano passado, o desempate era por meio da melhor campanha. Na semifinal e final, no caso de empate agregado, o finalista ou campeão será conhecido nas penalidades. A bola começa a rolar no dia 5 de agosto e o campeão será conhecido em 2 de dezembro.

O grupo 1, que é aquele que conta com apenas seis equipes, estão os times do Grêmio Novorizontino, Mirassol, Batatais, Penapolense, Votuporanguense e Olímpia. No grupo 2 foram acomodadas as equipes da Ferroviária, Red Bull Brasil, Inter de Limeira, XV de Piracicaba, Desportivo Brasil e Noroeste.

No grupo 3 estão São Caetano, Bragantino, Santo André, Água Santa, Santos (que jogará com o time sub-23), Taubaté e São Bernardo FC. Por fim, o grupo 4 tem Ituano, Portuguesa, Juventus, Osasco Audax, Taboão da Serra, Nacional e Atibaia.

Assim como no Campeonato Paulista, haverá duas listas de inscritos. A primeira, com 26 vagas, será destinada a jogadores de qualquer idade, enquanto que a segunda poderá ter atletas nascidos até 1997 e que jogaram alguma competição de base neste ano ou em anos anteriores. Os times classificados para a segunda fase poderão mudar até seis atletas da lista original.

O vencedor da Copa Paulista poderá escolher se quer disputar o Campeonato Brasileiro da Série D ou a Copa do Brasil do próximo ano, enquanto que o vice ficará com a escolha que foi preterida pelo vencedor. No ano passado, o título foi para a Ferroviária, que venceu nos pênaltis a Inter de Limeira.