Mesmo tendo poupado vários jogadores titulares no meio da semana, o Santos acabou derrotado por 1 a 0 no clássico diante do São Paulo, neste domingo (20), no estádio do Morumbi, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado deixou o Santos em posição intermediária na classificação e após a partida, o técnico Jair Ventura respondeu ao questionamento sobre sua situação dentro do clube e se sente que o emprego está ameaçado [VIDEO] na Vila Belmiro.

“Já temia meu futuro antes de chegar. A vida de técnico sempre está em xeque, faz parte da nossa profissão”, disse o treinador santista, que admitiu o baixo aproveitamento, mas chamou a atenção para o fato das classificações – na Copa Libertadores da América e na Copa do Brasil – terem sido alcançadas.

Ainda sobre aproveitamento, ele lembrou que o time com melhor desempenho nesse quesito no Campeonato Paulista (no caso o Palmeiras) acabou não sendo o campeão. “O aproveitamento não vai te levar aos objetivos”, disse Jair, talvez se esquecendo que em uma competição em pontos corridos, como é o Campeonato Brasileiro, é justamente o aproveitamento que conta.

Pior sequência fora de casa na década

A derrota para o São Paulo, no Morumbi, também igualou a pior sequência do time em jogos fora de casa na década, com cinco derrotas seguidas. Antes de perder para o Tricolor, o Peixe já havia sido batido por Bahia, Nacional do Uruguai, Grêmio e Luverdense, porém contra o time do Mato Grosso o time foi a campo com uma formação quase que totalmente reserva.

Essa sequência ruim foi vista pela última vez em 2014, quando, por coincidência, o quinto jogo seguido em que o alvinegro saiu de campo derrotado foi contra o São Paulo.

Antes de perder aquele clássico, o time já havia caído para Fluminense, Londrina, Internacional e Cruzeiro.

O próximo jogo do Santos como visitante acontece no dia 30, quando sairá para pegar o Atlético Paranaense. Se perder, igualará a sequência negativa de 2004, quando foi derrotado seis vezes seguidas fora de casa. “O Santos teve mais posse de bola, então não fomos retraídos, e sim foi uma derrota”, disse Jair ao falar dessa sequência de derrotas como visitante.

Para alívio do torcedor santista, os dois próximos compromissos do Peixe serão em casa, ou quase isso. Na próxima quarta-feira (24), o alvinegro fecha sua participação na primeira fase da Copa Libertadores da América jogando na Vila Belmiro contra o Real Garcilaso. No domingo (27), o time jogará às 16 horas, no Pacaembu, contra o Cruzeiro, pelo Campeonato Brasileiro.