O Vasco tem uma temporada de 2018 com muitas competições. Além do Campeonato Carioca, que já acabou, o Gigante da Colina ainda joga a Libertadores, Brasileiro, Copa do Brasil e talvez a Sul-Americana. Dessa forma, o elenco precisa ter opções para conseguir entrar em todos os torneios de forma competitiva.

Ciente dessa necessidade, o clube busca reforços para o treinador Zé Ricardo. Quem confirmou isso foi diretor executivo Paulo Pelaipe, em uma entrevista para o programa ''Donos da Bola'', da Band.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

''Temos lesões, cartões, desfalques, durante o ano inteiro. Então, estamos esperando trazer de três a quatro nomes, neste período de parada para a Copa do Mundo. Outro detalhe importante é que queremos trazer jogadores que vão acrescentar qualidade ao elenco.

Não queremos trazer atletas para fazer número no plantel. Jogadores que vão agregar aos que já temos no plantel'', comentou ele.

Há praticamente três meses na gestão de Futebol do Vasco, Pelaipe comenta as negociações feitas durante esse período. Além disso, explica o motivo de não ter conseguido fazer mais pelo Cruz-maltino, até agora.

''Nós fomos convidados pelo Fred Lopes (vice-presidente), eu e Newton Drumond (diretor de futebol), no dia 26 de janeiro. Então completamos 90 dias. Fizemos uma contratação de oportunidade, que foi o Giovanni Augusto, que tava no Corinthians. Trouxemos outro nome, que foi indicação do treinador Zé Ricardo, o volante Bruno Silva, que se destacou pela Ferroviária. Foram só esses dois jogadores que trouxemos''.

''Nós precisamos de jogadores, pois temos partidas quarta e domingo, quarta e domingo. Temos essa ciência que precisamos. Ontem à noite tivemos uma reunião: eu, o vice-presidente e Zé Ricardo.

Conversamos e pensamos muito. Mas num primeiro momento, temos que colocar os compromissos em dia com os profissionais, porque não adianta nós ficarmos com salário atrasado. Isso não repercute bem dentro do elenco. Então, estamos fazendo uma política de colocar os compromissos em dia, para que possamos trazer reforços, pois a competição é longa'', explicou o homem forte do futebol do Vasco.

A ideia do clube é encontrar esses atletas no mercado europeu. A vontade é repatriar os jogadores que estejam com vontade de retornar ao Brasil. A janela de transferências abre no dia 16 de julho e vai até o dia 15 de agosto. Então, esse é o período em que o Gigante da Colina estará totalmente focado no mercado.