O clima em São Januário não é tranquilo há anos. Rodeado de uma enorme crise financeira a algumas temporadas, o Gigante da Colina não uma temporada tranquila desde 2012, quando chegou às quartas de final da Taça Libertadores da América.

Desde então, a crise interna no Vasco refletiu em dois rebaixamentos em dois anos e vem deixando o torcedor cada vez mais preocupado.

Crise financeira

Motivo de grande de dor cabeça e principal culpada pela temporada ruim do Vasco da Gama, a crise financeira vem se estendendo e fazendo com que a equipe de São Januária viva dias de terror. Para se ter uma noção, além dos salários atrasados de jogadores e funcionários, o Vasco tem um déficit de R$ 10 milhões por mês, que no final da temporada pode render até R$ 114 milhões em dívida.

A crise está tão grande que os próprios jogadores contribuem para que os funcionários não passem grandes apertos. O meia Thiago Galhardo, destaque do time na temporada, falou no Jogo Sagrado, programa do canal por assinatura Fox Sports, que os atletas entendem a situação do clube e ajudam os funcionários do time carioca.

Reflexão em campo

O ano começou “tranquilo” em campo para o torcedor vascaíno. Fazendo campanha regular no Campeonato Carioca, as coisas mostravam que o time iria conseguir se manter bem na temporada, mesmo sem time pra disputar títulos.

No Carioca, a equipe foi eliminada na primeira fase da Taça Guanabara. Porém, na Taça Rio, chegou à semifinal, caindo diante do Botafogo em um jogo de cinco gols ( 3 a2 para o Botafogo). Eliminou o Fluminense na semifinal do estadual e chegou à final de novo contra o Botafogo, mas ficou com o vice-campeonato.

Chegou a Libertadores e os problemas ficaram evidentes a partir daí. Até o momento da publicação deste post, o Vasco vem fazendo a pior campanha de uma equipe brasileira em 16 anos, somando apenas 2 pontos em cinco partidas.

Foram dois empates e três derrotas, a última para o Cruzeiro por 4 a 0 [VIDEO], resultado que custou a eliminação do Vasco [VIDEO] ainda na primeira fase da competição.

O que esperar, torcedor vascaíno?

Na noite dessa quarta-feira (9) o Vasco perdeu para o Bahia por 3 a 0 na primeira partidas das oitavas de final da Copa do Brasil, deixando evidente que o ano do time vai ser bastante complicado. O técnico Zé Ricardo, que conseguiu a proeza de levar o Vasco a uma Libertadores com toda a crise, foi alvo de duras críticas.

A verdade é que a temporada vascaína iniciou de forma tranquila, demonstrando que com o elenco modesto conseguiria se manter entre os 10 primeiros do Campeonato Brasileiro e não dar tanto vexame. Porém, com os resultados desastrosos, venda do craque Paulinho e com uma crise que se afunda a cada mês, o Vasco vai lutar mais uma vez para não ser rebaixado para a Série B do Brasileirão.