A sexta-feira continuo bem agitada no Fluminense [VIDEO], especialmente nos bastidores. Após a renúncia de cinco vice-presidentes, Cacá Cardoso (geral), Diogo Bueno (financeiro), Idel Halfen (marketing), Miguel Pachá (interesses legais) e Sandor Hogen (governança), todos ligados ao grupo 'Unido e Forte', a novidade ficou por conta do projeto de revitalização das Laranjeiras. No final da tarde, o portal Net Flu informou que, com a saída dos antigos dirigentes, a ideia de ampliar a capacidade do local de oito mil para doze mil espectadores, além de outras reformas estruturais, seria abortada, pois não agradaria ao maior grupo de apoio do presidente Pedro Abad, a Flusócio, a qual estaria mais interessada em erguer um estádio para 40 mil torcedores na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

No início da noite, porém, através do seu Twitter, Sérgio Poggi, um dos integrantes do projeto de ampliação do estádio das Laranjeiras, negou a informação dada pelo Net Flu. Segundo ele, o presidente Abad, inclusive, já teria autorizado o desenvolvimento do projeto e, em silêncio, todos estariam trabalhando para a aprovação dos órgãos de segurança.

Enquanto isso, veio, do Equador, a notícia de um possível interesse do Veracruz, do México, na contratação de Junior Sornoza. No entanto, o clube da América do Norte teria feito apenas uma sondagem junto ao Fluminense no único meia de origem do atual elenco carioca

No Flu desde o ano passado, Sornoza já teve uma passagem pelo futebol mexicano. Em 2015, defendeu o Pachuca por dez jogos, marcando apenas um gol.

Vivendo um clima totalmente oposto ao agito dos bastidores, o elenco dirigido por Abel Braga realizou, pela manhã, mais um treinamento no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca.

Antes do trabalho, mais uma vez fechado aos jornalistas, o treinador concedeu uma entrevista coletiva e falou sobre o que se esperar do confronto de domingo, às 19h (de Brasília), no Maracanã, diante do Atlético-PR, válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

" Muito time tentou marcar alto e eles conseguem sair na bola. Ganham vantagem numérica, abrem espaço, mudam de posição... Tem que jogar com alma e com inteligência", disse.

Como de praxe, Abel fez mistério quanto à escalação titular. As únicas confirmações foram os desfalques do lateral-esquerdo Ayrton Lucas (afastado devido a um estiramento muscular) e do zagueiro Roger Ibañez, entregue ao departamento de preparação física após se recuperar de uma lesão na coxa direita, sofrida na derrota de 2 a 1 para o Corinthians, em São Paulo, na abertura do Brasileirão. Marlon entra normalmente na ala. Já no setor defensivo, Lucas Peres e Nathan Ribeiro lutam para ocupar a vaga ao lado de Gum e Renato Chaves.

Com sete pontos e em nono lugar na tabela de classificação do Brasileiro, o Fluminense [VIDEO] quer a vitória para não se afastar do G-4, grupos dos que estariam na próxima Taça Libertadores da América.