Após a goleada sofrida por 5 a 1 para o Grêmio, neste domingo (6), pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, o vice-presidente do Santos Orlando Rollo, garantiu a permanência do técnico Jair Ventura [VIDEO] e ainda afirmou que uma reunião será feita com o Conselho Gestor para se discutir a contratação de novos reforços. E um velho nome voltou à pauta nesta segunda-feira (7).

Segundo noticiou o portal da Gazeta Esportiva, a diretoria do Peixe já tem conversas em andamento para a contratação [VIDEO]do centroavante Hernán Barcos, que no futebol brasileiro jogou por Palmeiras e Grêmio. O interesse do alvinegro no jogador é antigo e em outras ocasiões as partes chegaram a conversar, mas, ao que tudo indica, desta vez o negócio deve sair.

Barcos tem contato com a LDU do Equador até o final do ano, porém a multa rescisória é considerada baixa pela cúpula santista e ele poderia vir já no mês de julho, assim que terminar a Copa do Mundo da Rússia, uma vez que o período para inscrição para atletas vindos do exterior será reaberto em 20 de julho.

Os empresários do jogador sinalizaram como positiva a possibilidade de transferência, o que animou a equipe paulista. Em outras duas vezes ele esteve perto do Peixe, sendo que a primeira deles, ainda em 2017, a questão de uma dívida com o Vélez Sarsfield, frustrou as negociações. No começo desta temporada ele também foi sondando, mas acabou renovando seu contrato com a equipe equatoriana, onde atravessa grande fase, tendo marcado oito gols em 12 jogos na temporada.

Mudou de local

A última partida do Santos na fase de grupos da Copa Libertadores da América, contra Real Garcilaso, do Peru, no próximo dia 24, mudou de local.

Inicialmente marcado para o estádio do Pacaembu, em São Paulo, o duelo passou para a Vila Belmiro, em Santos.

A razão da mudança foi um veto da Polícia Militar, uma vez que na mesma data, o Corinthians recebe o Milonarios, da Colômbia, pela mesma competição, e a PM não autoriza dois jogos de grandes clubes na capital em horários próximos. O Peixe jogaria às 19h15, enquanto que o Corinthians entra em campo às 21h45. Os torcedores que compraram os ingressos de forma antecipada para o jogo no Pacaembu e não quiserem ir até a Vila Belmiro poderão pegar seu dinheiro de volta.

Com nove pontos em cinco jogos, o Santos só precisa de um empate para garantir a primeira colocação do grupo 6 e assim ter o direito de fazer o segundo jogo da fase de oitavas de final em casa.