Com a classificação para as oitavas de final da Copa Libertadores da América garantida e já se precavendo da intensa maratona de jogos que terá pela frente, o técnico Roger Machado deverá começar a promover um pequeno rodízio de jogadores do Palmeiras. Isso deve começar já na partida desta quinta-feira (2), contra o Alianza Lima, no Peru. O duelo será às 21h30, no Estádio Alejandro Villanueva.

Cinco jogadores do Palmeiras não viajaram para Lima: o lateral-direito Marcos Rocha, a dupla de zaga Edu Dracena e Antônio Carlos, o volante Felipe Melo (com dores no pé direito) e o atacante Keno.

Publicidade
Publicidade

Com isso, o provável time do Palmeiras que entrará em campo terá Jaílson no gol, Miyke na lateral direita, Thiago Martins e Luan fazendo a dupla de zaga e Diogo Barbosa, na lateral esquerda. O meio terá Moisés, Bruno Henrique e Lucas Lima. Na frente Willian, Dudu e Borja.

Com dez pontos em quatro jogos, o Palmeiras poderá até mesmo garantir a primeira colocação do grupo 8. Para isso, basta um simples empate, uma vez que Junior Barranquilla e Boca Junior empataram em 1 a 1 nessa quarta-feira (2).

Publicidade

O Alianza faz péssima campanha, tendo apenas um ponto em quatro jogos. Apesar das remotas chances de avançar às oitavas de final, ainda luta por um lugar na Copa Sul-Americana.

O duelo no Peru será o primeiro de quatro jogos fora de casa do Palmeiras. Depois do duelo na Libertadores, o Verdão encara o Atlético Paranaense, em Curitiba, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. No meio da próxima semana pega o América Mineiro, em Belo Horizonte, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, e, para finalizar, tem o clássico contra o Corinthians, em Itaquera no outro final de semana.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Palmeiras PaixãoPorFutebol

Sobrou para o presidente

As fortes declarações dadas pelo presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, dadas após a polêmica decisão do Campeonato Paulista, há quase um mês, não passaram batidas pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo. Entre outras coisas, o mandatário palmeirense chamou a competição de “Paulistinha” e ainda afirmou que o campeonato estava “manchado”.

Por conta disso, Galiotte foi denunciado no artigo 258 parágrafo 2º-II do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que na prática significa que o presidente assumiu “conduta contrária à disciplina e à ética desportiva”, além de desrespeitar membros da arbitragem e reclamar de suas decisões.

Caso seja condenado, ele poderá pegar de 15 dias a seis meses de suspensão.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo