O clima pode esquentar ainda mais no Fluminense [VIDEO]. Neste domingo, ao longo da transmissão da derrota de 5 a 2 da equipe carioca para o Atlético-MG na Arena Independência, em Belo Horizonte, o repórter Guto Rabello, da Rede Globo de Televisão, informou que, na segunda, o técnico Abel Braga se reunirá com o presidente do clube, Pedro Abad. Na pauta, os dois meses de atraso no pagamento dos direitos de imagem e um mês de salário dos jogadores. No entanto, segundo notícias de bastidores, o clima será mais tenso e não está descartado um pedido de demissão por parte do comandante.

Além das questões financeiras, a insatisfação de Abel vem desde as inúmeras mudanças na diretoria, especialmente a saída do gerente-executivo Paulo Autuori, com quem tinha excelente relacionamento e que dava suporte ao seu trabalho.

Na última segunda, Pedro Abad afirmou que um novo nome será definido até a próxima sexta-feira.

Outro fato que desagradou bastante ao treinador é a pouca opção para algumas funções. Para Abel, o sistema defensivo não é problema, mas a carência de meias e de centroavantes prejudicam o andamento do elenco ao longo da temporada. Durante a entrevista coletiva após o jogo no Independência, o treinador deu uma leve cutucada ao recordar o fracasso em algumas negociações.

"O Roger Guedes teve para ir para o Fluminense [VIDEO] se não tivesse tido problema com o Scarpa. O Juninho, que também que está aqui, o Fabiano que está no Inter, e o Hyoran. Minha equipe iria encorpar, com certeza", declarou.

Sem vencer há quatro jogos e com três derrotas seguidas, o Fluminense, que chegou a frequentar a vice-liderança, caiu para o 11º lugar e passa a ficar ameaçado pelo rebaixamento.

No momento, o Tricolor soma 14 pontos, cinco a mais em relação ao Atlético-PR, primeira equipe do Z-4. Na quarta, às 19h (de Brasília), encara o Santos, no Maracanã. Para esse desafio, o atacante Matheus Alessandro, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, não poderá atuar. Como Marcos Júnior, recuperando-se de um estiramento na coxa direita, só terá condições depois da Copa do Mundo, Pablo Dyego e Robinho disputam uma vaga para formar dupla com Pedro [VIDEO].

Outro que corre o risco de ficar de fora é Gilberto. Com uma entorse no tornozelo, sofrida ainda no primeiro tempo do confronto diante do Atlético-MG, o lateral-direito deixou o estádio usando uma imobilização no local e, na segunda, fará um exame de imagem para saber a gravidade da lesão. Como Léo, seu reserva imediato, também está entregue ao departamento médico, Abel poderá ser obrigado a improvisar alguém na função.