O zagueiro Balbuena já está fugindo da imprensa quando o assunto é a renovação de seu contrato com o Corinthians, que permite ao jogador sonhar com uma transferência para o mercado europeu [VIDEO] depois da Copa do Mundo. "Se alguém perguntar do contrato não vou responder, já estou adiantando já", disparou o paraguaio antes do início da coletiva de imprensa que deu ao lado de Matheus Vital, na terça-feira, dia 5.

É que existe grande chance de o zagueiro deixar o Timão após os três jogos que faltam para a pausa do Brasileirão antes da Copa do Mundo. O Corinthians enfrentará nessas três partidas o Santos, na noite desta quinta-feira, dia 6, o Vitória, no dia 10, e o Bahia, dia 13.

Renovação em abril

De acordo com nota publicada no blog do jornalista esportivo Jorge Nicola, o próprio Balbuena tem dito a pessoas próximas que uma transferência para a Europa [VIDEO] está muito próxima. Na renovação contratual com o Corinthians, feita em abril, foi definida uma multa rescisória de apenas 4 milhões de euros. O jornalista destacou que o presidente corintiano, André Sanches, afirmou que o baixo valor da multa foi uma exigência do staff do jogador. Ou seria assim, ou o Corinthians iria perder o zagueiro sem receber nada, já que se aproximava o período em que Balbuena poderia assinar um pré-contrato com outro clube sem ser necessária a anuência do Timão. O contrato de Balbuena terminaria em dezembro.

Arábia e Itália

O zagueiro paraguaio é titular do Corinthians desde que foi contratado, e se tornou peça fundamental no esquema tático do time, sendo considerado um dos responsáveis por títulos importantes como o Brasileirão do ano passado e o Paulistão deste ano.

De acordo com o que já foi noticiado em diferentes veículos de imprensa, Balbuena já foi sondado pelo Al-Hilal, da Arábia Saudita, mas tem preferência por jogar na Europa. Agentes do jogador já recusaram ofertas da Lazio e do Genoa no ano passado. O mercado europeu abre oficialmente em 1º de julho e, a partir dessa data, deve aumentar bastante o número de ofertas pelos jogadores que se destacam em clubes brasileiros, como Balbuena.

Comparações

Só para comparar, o zagueiro Felipe, ex-Corinthians, após o time levantar o caneco do Campeonato Brasileiro de 2015, teve 75% de seu passe adquirido pelo Porto, de Portugal, por 6 milhões de euros. Felipe tinha 27 anos na época. Balbuena está com 26. Outro exemplo é o valor de Rodrigo Caio: o São Paulo está pedindo quatro vezes mais do que a multa do contrato de Balbuena. E o Santos já recusou oferta para vender Lucas Veríssimo ao Torino que era o dobro do montante para a liberação do zagueiro paraguaio.