Os jogos de Copa do Mundo costumam ser bastante tensos para os jogadores que estão em campo, para a torcida nas arquibancadas e também os comentaristas de emissoras de TV. [VIDEO]

Na segunda-feira (25), Egito e Arábia Saudita se enfrentaram pela última rodada do grupo A da Copa. As duas seleções entraram em campo sem chances de classificação para a próxima fase.

Muitos esperavam uma vitória do Egito, que conta o grande craque Salah, mas quem levou a melhor foi a Arábia Saudita, que venceu por 2 a 1 com um gol marcado já nos acréscimos da partida.

O Egito voltou para casa com três derrotas no torneio – depois de um hiato de 28 anos sem disputar o Mundial – e agora o país também está de luto com a morte do ex-jogador Abdel Rahim Mohammmed [VIDEO], que atuou pela Zamalek e comentou a Copa pelo canal Nile Sports.

Mohammed estava na sede da emissora, no Cairo, capital do Egito. O local conhecido como Maspero é um ponto turístico da cidade. O comentarista passou mal após a partida e foi encaminhado ao hospital.

De acordo com o porta-voz do hospital Qasr Al-Aini, Mohammed chegou ao local com o músculo cardíaco completamente parado. Os médicos tentaram reanimá-lo por meia hora, mas não foi possível evitar sua morte.

Alguns detalhes chamaram a atenção na morte. De acordo com o site El Wala Newsm, um ex-companheiro de Mohammed afirmou que ele parecia “exausto” e “afetado” pela derrota da seleção egípcia.

Abdel Rahim Mohammmed jogou na década de 1970 e também treinou o el-Marrikh Sporting Club e o el-Mansoura Sporting Club. O Egito está de luto com a morte do ex-jogador.

Um caso que abalou todo o Brasil

Os brasileiros se lembram muito bem da Copa do Mundo de 2006.

Além da derrota da seleção brasileira para a França, nas quartas de final, outro fato que marcou todo o país foi a morte do humorista Cláudio Besserman Viana, o Bussunda, integrante do "Casseta e Planeta".

Bussunda cobria o Mundial inloco e sentiu mal após jogar bola com os colegas de "Casseta". Ele não quis ir ao médico e afirmou que iria descansar um pouco. O humorista teve uma parada cardíaca e acabou falecendo. A trágica morte de Bussunda, para muitas pessoas, acelerou o final do programa de humor que era exibido pela Rede Globo às terças-feiras.

Bussunda tinha apenas 43 anos e sua morte causou grande comoção pela forma repentina como aconteceu e por conta de sua idade. O humorista até hoje é lembrado e sua imitação de Ronaldo Fenômeno ainda causa risos de quem a assiste.