Portugal e Espanha estrearam na Copa do Mundo, nesta sexta-feira (15), e fizeram um jogo incrível, com seis gols. As duas seleções empataram por 3 a 3, e Cristiano Ronaldo foi o grande nome da partida ao marcar três vezes.

O craque português começou a partida com tudo e marcou o primeiro gol logo aos três minutos. CR7 invadiu a área e foi derrubado. O árbitro marcou pênalti. Cristiano Ronaldo cobrou e fez o que costuma fazer: mandou a bola no canto oposto ao que o goleiro caiu.

De Gea, por sinal, seria pivô do segundo gol de Cristiano Ronaldo, mas, antes disso, a Espanha equilibrou o jogo, depois passou a jogar melhor do que Portugal e pressionou muito no campo de ataque.

Os espanhóis empataram com Diego Costa e os portugueses reclamaram de falta em Pepe. O árbitro nada marcou, e validou o gol. Minutos depois, a Espanha mandou uma bola na trave, que bateu em cima da linha do gol. Os espanhóis reclamaram, mas agora o árbitro utiliza uma pulseira no braço que vibra quando a bola cruza a linha.

A Espanha prosseguiu melhor, e Portugal só chegava com Cristiano Ronaldo. Em um dos lances no ataque, CR7 deixou Bruno Fernandes na cara do gol, na entrada da área, mas o jogador perdeu o tempo de bola e foi desarmado.

Aos 43 minutos do primeiro tempo, Cristiano Ronaldo recebeu passe de Gonçalo Guedes na entrada da área e bateu rasteiro, forte. De Gea tomou um “frango”, que só não foi maior porque a bola passou ao seu lado e não embaixo de suas pernas.

No segundo tempo, Diego Costa e Nacho Fernández viraram para a Fúria.

Próximo aos 40 minutos finais, Cristiano Ronaldo marcou de falta o gol de empate. Um golaço. Típico do melhor jogador do mundo.

Prometendo e cumprindo

Portugal está longe de ser uma grande seleção, por este motivo você não vê o nome da equipe ser citado entre as favoritas ao título do torneio. Mas há um trunfo muito importante: Cristiano Ronaldo [VIDEO].

Melhor jogador do mundo por cinco vezes e o grande responsável pelo título da Eurocopa, em 2016, CR7 é o grande craque e tem a missão de levar Portugal nas costas [VIDEO]. Nestes primeiros 45 minutos do confronto contra a Espanha ele conseguiu isso.

Com os três gols desta partida, Cristiano Ronaldo chegou ao sexto gol em Copas do Mundos. Lionel Messi (Argentina), Cahill (Austrália), Higuaín (Argentina) e Suárez (Uruguai) têm cinco.

Entre os jogadores que disputam essa Copa do Mundo, apenas Thomas Müller, da Alemanha, com 10, e James Rodriguez, da Colômbia, com seis, tem mais ou a mesma quantidade de gols do jogador do Real Madrid. Cristiano Ronaldo quer se tornar, com toda a certeza, o maior artilheiro da história das Copas.

Para isso, ele terá de marcar mais 10 gols para igualar Miroslav Klose, ou 11 gols para superar o alemão. Missão quase impossível, é verdade, mas Cristiano Ronaldo torna tudo possível. Nas próximas rodadas, Portugal encara Irã e Marrocos para confirmar a classificação esperada às oitavas da competição.