O Corinthians recebeu o Santos na Arena Itaquera [VIDEO], nessa noite de quarta-feira (06), em jogo válido pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2018. Por um lado, o timão buscava se reestabelecer no campeonato, já que a última vitória expressiva tinha sido em cima rival Palmeiras. De lá para cá, o Corinthians engatou uma péssima sequência de três partidas sem vitória, além de ter sido derrotado em casa para o Millonarios, pela Copa Libertadores da América. O time até conseguiu vencer o América MG em casa, mas sofreu outro baque contra o Flamengo no último domingo. [VIDEO]

Já o Santos, apesar de não estar indo tão bem no campeonato, tinha vencido o último confronto contra o EC Vitória fora de casa.

O clube da vila amarga a 15ª colocação na tabela com 10 pontos conquistados e também buscava engatar um boa sequência na competição.

Primeiro tempo apático e sem gols

A primeira etapa do confronto foi marcada por um jogo apático e com poucas chances de gols. A primeira oportunidade surgiu aos 12 minutos, em um chute de Sidcley na entrada área. A bola passou raspando na trave de Vanderlei. O Corinthians iniciou o clássico ligeiramente melhor, trabalhando bem a bola, mas aos poucos o confronto foi perdendo intensidade e os dois times pouco criaram.

O Santos ainda teve um gol anulado em cabeceio de Sasha para o fundo do gol. O bandeirinha marcou impedimento. O primeiro tempo encerrou com posse de bola e finalizações equilibrada entre as duas equipes.

Segundo tempo: Gabriel peca nas finalizações

A segunda etapa começou melhor que a primeira e, logo aos 6 minutos de jogo, Gabigol perde gol na cara do Walter, desperdiçando uma grande chance.

Não demorou muito e o Corinthians deu o troco. Em jogada bem trabalhada, Pedrinho acha Rodriguinho na linha de fundo, que cruza rasteiro e Roger só completa para o fundo do gol, 1 a 0 para o timão. Na comemoração, Roger acabou sendo punido com cartão amarelo por ter ido comemorar com a torcida.

Após o gol, o timão passou a apresentar um melhor futebol. Aos 27 minutos, a joia do Corinthians quase marcou uma pintura. Ao receber na ponta esquerda, Pedrinho limpou Dodô, Jean Mota e Pituca e mandou uma bomba para linda defesa de Vanderlei.

Apesar de ter criado boas oportunidades, a fase realmente não é das melhores. Aos 29 minutos, Rodrygo recebeu na ponta esquerda e cruzou na área para Victor Ferraz cabecear para o fundo do gol e empatar a partida, 1 a 1. E, para piorar, por pouco o Santos não virou o jogo. Em jogada trabalhada pela direita, Dodô toca para Rodrygo, que invade a área e bate no cantinho para linda defesa de Walter.

Com isso, o resultado não saiu do empate e o timão viu mais uma vitória escapar de suas mãos em sua Arena, que contou com bom público de 27.586 pagantes. O próximo confronto do Corinthians é contra o EC Vitória, em casa, no sábado (09). Já o Santos enfrenta o Internacional, no domingo (10), também em casa.