Graças ao mecanismo de solidariedade da Fifa, muitos clubes brasileiros ganham um gás a mais na hora de pagar as dívidas e fechar as contas no azul, ou até mesmo conseguem verba para a contratação de um jogador de peso [VIDEO]. Um dos casos mais famosos envolvendo esta política da Fifa é o do jogador brasileiro Hulk, que evitou a falência do Serrano, clube sergipano que o revelou para o mundo do Futebol.

Entre 1999 e 2000, o ex-jogador da Seleção Brasileira teve uma passagem pelas categorias de base do clube sergipano, o que fez da equipe um de seus clubes formadores. Em 2012, Hulk trocou o Porto-POR pelo Zenit-RUS, o que rendeu ao Serrano a quantia de R$ 475 mil.

Quantia modesta para o mundo do futebol, mas suficiente para salvar o time da falência. Esse valor só chegou aos cofres do Serrano graças ao mecanismo de solidariedade da Fifa, que garante parte da verba de transferência aos clubes formadores do atleta.

Confira abaixo cinco jogadores que podem render uma boa grana ao Flamengo, em caso de uma futura negociação:

Felipe Melo

Revelado pelo Volta Redonda em 1991, com apenas 7 anos de idade, o jogador do Palmeiras começou sua carreira profissional no Flamengo, em 2001. No caso de uma transferência futura, ambas as equipes levam um percentual pela transferência.

Valor atual de mercado (transfermarkt): R$ 4,35 milhões

Porcentagem do Flamengo: 1,5% (pouco mais de R$ 65 mil)

Porcentagem do Volta Redonda: 2.5% (pouco mais de R$ 108 mil)

Renato Augusto

Renato Augusto chegou ao Flamengo em 2001, com apenas 13 anos de idade, e por lá ficou até 2008, quando foi comprado pelo Bayern Leverkusen com apenas 20 anos de idade.

Nesse caso, apenas o Flamengo fica com a grande proveniente [VIDEO] da solidariedade, por ter sido o único clube formador do atleta.

Valor de mercado (transfermarkt): R$ 39 milhões

Porcentagem do Flamengo: 3,25% (pouco mais de R$ 1 milhão e 200 mil)

Paulo Victor

O goleiro foi reserva durante boa parte de sua trajetória com a camisa rubro negra, porém, quando foi exigido, foi importante em diversos jogos, inclusive conseguindo a titularidade durante um período.

Valor de mercado (transfermarkt): pouco mais de R$ 3 milhões

Porcentagem do Flamengo: 3% (pouco mais de R$ 90 mil)

Jorge

O lateral é uma das maiores revelações recentes do Flamengo, e foi vendido ao Mônaco por uma pequena fortuna.

Valor de mercado (transfermarkt): R$ 51 milhões

Porcentagem do Flamengo: 5% (pouco mais de R$ 2 milhões e 500 mil)

Vale ressaltar que os valores utilizados para o cálculo levam em conta apenas o valor da multa do atleta, mas, geralmente, quando ocorre uma transferência, o valor efetivo supera o valor da multa contratual.