Uma negociação que já vem se arrastando há meses e está muito longe de uma definição. Assim está a situação de Léo Cittadini, cujo contrato com o Santos vence no final deste ano e as partes ainda não chegaram a um acordo quanto a sua renovação. Enquanto isso, o volante segue com seu futuro indefinido dentro da Vila Belmiro.

De início, o entrave para se chegar a um denominador comum entre as partes era o valor da multa rescisória. Alinhados nesta questão, agora clube e jogador ainda não se entenderam com relação aos salários.

Publicidade
Publicidade

O Santos teria oferecido R$ 150 mil reais, mas Cittadini quer em torno de R$ 200 mil, fato que irritou membros do Conselho Gestor do clube, que consideram a pedida elevada para um jogador que ainda não ostenta a condição de titular absoluto.

O jogador foi promovido ao time titular em 2013, mas somente nesta temporada conseguiu engatar no time titular uma sequencia de jogos, que foi interrompida em razão de uma entorse no tornozelo esquerdo. Neste ano ele jogou 18 partidas, sendo 11 como titular e deve ser opção de bando para a partida deste domingo (10), quando o Peixe jogará às 19 horas, contra o Internacional, na Vila Belmiro.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Santos PaixãoPorFutebol

Em entrevista dada recentemente, o presidente José Carlos Peres deu um ultimato ao jogador quanto à sua renovação, porém, desde então, nenhum fato novo aconteceu. Os representantes do jogador além que existem propostas de três times mexicanos - Puebla, Querétaro e Pumas-, e também das italianas Sampdoria e Inter de Milão. Nenhuma proposta oficial, no entanto, chegou ao Santos.

Lucas Veríssimo

O zagueiro Lucas Veríssimo é o jogador mais cotado para sair do Santos tão logo a próxima janela de transferência europeia seja aberta, após a Copa do Mundo.

Publicidade

Nesta semana surgiu rumores de que o Torino, da Itália, estaria oferecendo até 7 milhões de euros – o equivalente a 31,5 milhões de reais -, pelo defensor alvinegro. Isso fez a diretoria santista se mexer e estipular um valor mínimo para negociar o atleta.

Segundo informações levantadas pelo portal Globo Esporte, para tirar Veríssimo do Peixe, o clube interessado teria que pagar 10 milhões de euros, ou 46 milhões de reais. “Tem várias propostas.

É uma decisão para já. No mínimo 10 milhões de euros é o que pedimos”, disse o presidente José Carlos Peres, afirmando que já chegaram propostas pelo zagueiro, mas nenhuma delas se aproxima desse valor. “Estamos esperando a melhor proposta”, completou o mandatário.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo