O Atlético PR vinha pressionado para o jogo deste sábado (9), diante do São Paulo FC. O clube paranaense amarga a 17ª colocação com apenas 9 pontos conquistados. Em caso de vitória, o Atlético sairia da zona de rebaixamento e amenizaria o clima tenso.

Por outro lado, o São Paulo brigava por uma vaga no G4, podendo assumir a vice-liderança em caso de vitória.

Mas para o tricolor paulista, a vitória não significaria somente assumir a vice-liderança do campeonato, como também iria por fim ao tabu de nunca ter vencido o Atlético PR na Arena da Baixada.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Aproveitando-se da crise paranaense e do momento que vive o tricolor, o São Paulo vinha com tudo em busca da vitória.

Domínio e pressão paranaense: a aposta tricolor em um único erro

Quem analisa estatísticas não iria pôr muita fé no time paulista, já que o domínio foi total dos paranaenses.

Com 62% de posse de bola, o Atlético impôs seu Futebol, finalizando quase o dobro do tricolor.

O Atlético teve boas chances na primeira etapa. Em jogada trabalhada pela intermediaria, Pablo recebe, gira o corpo e bate no ângulo para linda defesa de Sidão. Outra boa chance do Atlético veio em defesa esquisita de Sidão, que rebate a bola mas Anderson Martins tira para longe. O primeiro tempo encerrou equilibrado, sem muitas chances de gols para os dois clubes.

"Gol histórico do tricolor", o fim do tabu na Arena da Baixada

Apesar de não ter apresentado um bom futebol na primeira etapa, o gol paulista saiu cedo no segundo tempo. Após tentativa de sair jogando, a zaga vacila e entrega a bola na entrada da área. Na tentativa de recuperação, Camacho derruba Éverton dentro da área e o juiz marca pênalti para o São Paulo.

Na cobrança, Nenê bate mal mas consegue converter, 1 a 0 para o São Paulo.

Após sofrer o gol, o Atlético parte para o ataque para empatar o jogo a qualquer custo. Com isso, os paranaenses iniciam um domínio da partida. Aos 39, Carleto joga a bola na área e Thiago Heleno cabeceia para ótima defesa com os peitos de Sidão. Os paranaense seguiam insistindo na bola aérea, mas as muitas tentativas caiam nas mãos do goleiro paulista.

O ultimo lance da partida ficou por conta de uma falta perigosa para o Atlético PR. A falta foi cobrada por Carleto, que mandou uma bomba onde Anderson Martins se jogou na frente para a bola não chegar até o Sidão.

Com isso, o jogo encerrou com vitória tricolor, que pôs fim a um tabu que durava mais de 36 anos. O próximo confronto do São Paulo é contra o EC Vitória, na terça (12), na capital paulista. Já o Atlético PR encara o Botafogo, no Rio de Janeiro, na quarta (13).

Confira também:

São Paulo vence o Botafogo por 3 a 2 e lidera o Brasileirão [VIDEO]

São Paulo vence América-MG por 3 a 1 em partida disputada [VIDEO]

América-MG x São Paulo: saiba como assistir ao jogo ao vivo na TV e internet [VIDEO]