O São Paulo [VIDEO] foi até o Estádio do Maracanã, nesta quarta-feira (18), às 21h45, (horário de Brasília) enfrentar o Flamengo [VIDEO], pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro [VIDEO], e saiu vencedor, após Everton cabecear no canto e decretar a derrota dos cariocas por 1 a 0, no início do segundo tempo.

Este resultado aproxima o Clube da Fé da liderança do nacional, já que agora tem 26 pontos e ocupa a segunda posição com 13 partidas disputadas, mesma quantidade do Mengão, porém com 27 pontos.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Após o recesso para a Copa do Mundo, este jogo foi o reencontro das duas agremiações com suas torcidas em uma competição oficial, e o confronto contou com 51.777 pessoas.

A partida também trouxe estreias, uma delas foi o uniforme usado pelos paulistas, estampando a nova fornecedora esportiva do time do Morumbi...

a Adidas, a mesma, inclusive, do rival desta noite. Outro que também começava uma trajetória com as cores vermelho, branco e preto era o jogador Joao Rojas, equatoriano de 29 anos, contratado do Talleres da Argentina.

Para o jogo, o técnico uruguaio Diego Aguirre escalou seus comandados no 4-2-3-1, com Sidão, Anderson Martins, Reinaldo, Arboleda, Éder Militão, Hudson, Jucilei, Nenê, Everton, Joao Rojas e Diego Souza. Os rubro-negros dirigidos por Maurício Barbieri, optaram pelo 4-3-3, com Diego Alves, Réver, Rodinei, Léo Duarte, Renê, Rômulo, Lucas Paquetá, Diego, Marlos, Éverton Ribeiro e Guerrero.

No primeiro tempo, o espetáculo foi equilibrado com os mandantes tendo um pouco mais de iniciativa e exercendo pressão nos minutos finais. O lance mais perigoso do Tricolor foi aos 28 minutos, com Rojas, ele balançou o corpo para cima de Réver, que foi facilmente deixado para trás, na sequência chutou forte, rasteiro...

o goleiro Diego Alves defendeu, no rebote Everton mandou de bicicleta para fora.

Do lado da equipe com mais torcedores no país, a chance que quase resultou em gol aconteceu aos 42’, Diego levantou bola para área, Lucas Paquetá levou a melhor sobre Diego Souza, antecipando-o no primeiro pau e deu uma casquinha, ela acertou o travessão e na volta a zaga afastou.

No segundo tempo, o placar saiu do zero logo no princípio, com Everton de cabeça, aos 2’: o atacante aproveitou um cruzamento na medida feito por Joao Rojas, e só teve o trabalho de tirar do arqueiro para balançar as redes do seu ex-clube, 1 a 0. Por respeito ao Flamengo, o atleta não comemorou.

Em prejuízo na contagem, atuando em casa com um imenso apoio das arquibancadas, os flamenguistas não se deram por vencidos e buscaram empatar o confronto a todo custo. Um momento de quase explosão da massa foi aos 20’, Guerrero ajeitou uma bola para Paquetá chegar batendo, Sidão espalmou a finalização e no rebote Uribe desperdiçou a oportunidade para fora com o arqueiro já deitado.

Um minuto depois, Sidão apareceu para salvar novamente. Uribe cabeceou para o chão, a bola pingou e o número 12 se esticou para mandar para escanteio. Diego também arriscou de longe, aos 37’, mas o meia não conseguiu acertar o alvo.

Quando o duelo caminhava para o final, uma expulsão bastante contestada pelos são-paulinos ocorreu, aos 47’, Araruna que havia entrado, aos 10’, no lugar de Rojas, levou o segundo amarelo e o vermelho, deixando o tricolor com um a menos nos instantes decisivos.

Aos 49’, quase a alegria dos visitantes foi desfeita, Rodinei cruzou da direita e Guerrero testou entre Arboleda e Anderson Martins, por detalhe ela não foi parar no fundo das redes. O sufoco se estendeu até os 52’, quando o árbitro paranaense, Paulo Roberto Alves Junior, encerrou o encontro.

O equilíbrio entre as equipes prosseguirá nos próximos compromissos pelo campeonato, desta vez a briga será para ver quem fica com a primeira posição do Brasileirão ao término da 14ª rodada: os dois terão clássicos estaduais pela frente, no Morumbi, sábado (21), às 21 horas, o São Paulo encara o Corinthians (47 mil ingressos já foram vendidos para o Majestoso de acordo com o Twitter do tricolor), em contrapartida o Mengão pega o Botafogo um pouco mais cedo, às 19h, no Maracanã (ambos os jogos pelo horário de Brasília).

Substituições

  • São Paulo- Jucilei por Liziero, Joao Rojas por Araruna e Everton por Tréllez.
  • Flamengo- Marlos por Uribe, Rômulo por Trauco e Éverton Ribeiro por Matheus Sávio.

Cartões amarelos

  • São Paulo- Everton, Reinaldo, Sidão e Araruna.
  • Flamengo- Romulo, Éverton Ribeiro e Diego.

Cartão vermelho

  • São Paulo- Araruna