Por mais que tenha o sonho declarado de um dia dirigir a seleção brasileira, o técnico Renato Gaúcho entende que o melhor a ser feito neste momento é dar sequência ao trabalho de Tite. Na última sexta-feira, o Brasil caiu de forma inesperada para a Bélgica por 2x1 nas quartas de final da Copa do Mundo [VIDEO].

Renato falou sobre esse tema em entrevista coletiva concedida no início da tarde deste domingo, logo depois da derrota do seu Grêmio por 2x1 para o Corinthians, em São Paulo, em partida amistosa visando o retorno aos campeonatos.

"O Tite está fazendo um grande trabalho. Ele recuperou o prazer dos torcedores em ver a seleção.

Eu mesmo mandei mensagem e dei os parabéns a ele pelo trabalho depois da derrota para a Bélgica. Torço para que o Tite continue. Ele é humano. De minha parte, essa será a minha torcida", avaliou.

Internamente na CBF, especula-se sobre o interessa da entidade em renovar com a comissão técnica por mais quatro anos. Nesta perspectiva, Tite e seus auxiliares teriam mais tempo para iniciar o ciclo rumo à Copa do Mundo de 2022, que vai ser disputada no Catar.

Tite assumiu a seleção brasileira na segunda metade de 2016, com o Brasil [VIDEO] em sexto lugar na tabela de classificação das Eliminatórias.