A Conmebol divulgou nesta terça-feira (14) que o Chile será o país sede da primeira final de Copa Libertadores da América a ser jogada em partida única. A mudança começará a valer a partir da edição de 2019.

O duelo que apontará o vencedor da maior competição entre clubes da América do Sul será disputado no Estádio Nacional, na cidade de Santiago, na capital chilena. Outra novidade é que o jogo será disputado em um sábado. O campeão de 2019 será conhecido no dia 23 de novembro.

A decisão de fazer a primeira final em jogo único na capital do Chile saiu após reunião do conselho da Conmebol realizada nesta terça-feira, em Luque, no Paraguai, local onde fica a sede da Confederação Sul-Americana.

Publicidade

Além de Santiago, Montevidéu, no Uruguai, e Lima, no Peru, se candidataram para receber a decisão da Libertadores.

A escolha por Santiago foi tomada após representantes da entidade visitaram as cidades e fazerem vistorias nos estádios, hotéis, aeroportos e locais públicos que podem receber as “fan zones”, espaços onde torcedores podem se concentrar para acompanhar o jogo.

Copa Sul-Americana também será em jogo único

Outra decisão importante tomada pela Conmebol foi que a Copa Sul-Americana também passará a ser decidida em jogo único a partir do ano que vem.

O campeão será conhecido em Lima, no Peru. A data e o estádio em que a partida será jogada, no entanto, ainda não foram relevados.

“As finais únicas da Copa Libertadores e da América do Sul (Copa Sul-Americana) serão eventos que irão inspirar todos os sul-americanos a acreditarem em grande”, disse o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez.

Brasileiros em campo nesta semana

Falando em Copa Sul-Americana, na próxima quinta-feira (16), três brasileiros estarão em campo decidindo seus futuros na competição e tentarão se juntar a Atlético Paranaense e Bahia nas oitavas de final.

Publicidade

Depois de perder no Morumbi por 1 a 0, o São Paulo tentará reverter a desvantagem jogando na Argentina, contra o Colón.

Outro que perdeu na ida e precisa reverter a situação é o Botafogo, que foi derrotado pelo Nacional do Paraguai por 2 a 1 e agora precisa vencer por 1 a 0 ou dois gols de diferença, caso sofra gol. Se passar, o time carioca terá o Bahia como adversário na próxima fase.

Único a abrir vantagem no jogo de ida, venceu por 2 a 0 no Maracanã, o Fluminense visita o Defensor, em Montevidéu, no Uruguai, podendo perder por um gol de diferença ou dois gols, desde que faça pelo menos um no time adversário.