Pelo menos a princípio, o Fluminense descartou a necessidade de submeter o atacante Pedro a uma cirurgia no joelho. O artilheiro do Campeonato Brasileiro torceu o joelho direito na partida diante do Cruzeiro, sábado passado, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Neste domingo (26), já no Rio de Janeiro, o jogador, que havia sido convocado pelo técnico Tite para os próximos amistosos da Seleção Brasileira, no início de setembro, fez exames no local e os resultados revelaram estiramento nos ligamentos.

Publicidade
Publicidade

Por meio de nota oficial, o clube das Laranjeiras informou que fará um tratamento conservador, ou seja, sem a necessidade de fazer cirurgia e que ele será reavaliado dentro de duas ou três semanas para saber a evolução da lesão. Com relação à convocação, a CBF desconvocou o jogador e para seu lugar chamou o ex-Fluminense Richarlison.

A contusão do jogador diminui drasticamente as chances de uma transferência para o futebol europeu ainda nesta janela, uma vez que seu encerramento será no final desta semana.

Pedro se machucou no jogo contra o Cruzeiro
Pedro se machucou no jogo contra o Cruzeiro

A diretoria do clube já havia recusado uma proposta de 8,5 milhões de euros (R$ 39,6 milhões) feita pelo do Bordeaux, da França, e de 15 milhões de euros dos mexicanos do Monterrey (R$ 67 milhões). Para o México a janela fica aberta até 5 de setembro.

Ocupando a décima colocação no Campeonato Brasileiro com 26 pontos, o Fluminense terá uma parada dura no próximo domingo (2), quando vai até o Morumbi encarar o líder São Paulo.

Jogador pode estar a caminho do futebol português

Fora dos planos do técnico Marcelo Oliveira, o atacante João Carlos está muito próximo de ser empresteado ao Portimonense, clube de Portugal, por um ano.

Publicidade

O jogador foi contratado pelo Fluminense no primeiro semestre logo após ter disputado o Campeonato Estadual pela Cabofriense, onde marcou quatro gols e se tornou um dos destaques do time do interior do Rio de Janeiro, mas sequer chegou a entrar em campo pelo Tricolor após a troca de treinador.

Seu vínculo com o Tricolor vai até o fim de 2019 e mesmo com a lesão de Pedro, que poderia abrir um espaço para ele no time, a negociação com os europeus devem ser fechadas, uma vez que a comissão técnica demostrou preferência pelo recém-contratado Kayke.

Desde que chegou ao Fluminense, João Carlos fez seis jogos com a camisa do Tricolor – sempre sob o comando de Abel Braga -, sendo que em dois deles começou como titular, ocasiões em que Pedro não pode jogar. O jogador não marcou nenhum gol.

Leia tudo e assista ao vídeo