Nesta sexta-feira, encerra-se a janela de transferências do Futebol do exterior e, atravessando uma grave crise financeira, sabida pelo mercado, o Fluminense é um dos alvos prediletos dos grandes clubes da Europa, da Ásia e da América do Norte.

Como não poderia deixar de ser, o mais procurado é o artilheiro do time.

Publicidade
Publicidade

Com dez gols no Campeonato Brasileiro, Pedro já despertou o interesse dos alemães do Borussia Dortmund, dos franceses do Bordeaux e, na última segunda, o presidente do Monterrey, Duilio Davino, foi até a sede das Laranjeiras e apresentou uma proposta de 20 milhões de euros, cerca de R$ 100 milhões, para levar o camisa 9. Até o momento, o mandatário do Fluminense, Pedro Abad, vem resistindo a todas as investidas.

No sábado passado, Pedro sofreu um estiramento no joelho direito e ficará afastado por, pelo menos, três semanas, fato que gerou o seu corte dos amistosos da Seleção Brasileira nos Estados Unidos (dias 07 e 11 de setembro, contra, respectivamente, os donos da casa e El Salvador) e praticamente inviabiliza uma saída nesse momento.

Artilheiro do Flu na temporada, Pedro vem chamando atenção de grandes clubes do exterior (Foto: Lucas Merçon)
Artilheiro do Flu na temporada, Pedro vem chamando atenção de grandes clubes do exterior (Foto: Lucas Merçon)

O vínculo do atacante com o Fluminense, dono de 50% dos direitos federativos do jogador, acaba no final de 2021.

Outro que chamou a atenção foi Junior Sornoza. Recentemente, o meia equatoriano, convocado pela seleção de seu país para encarar Jamaica e Guatemala, teve seu nome falado como possível reforço do Fenerbahçe, da Turquia. Uma proposta oficial, no entanto, acabou não surgindo e, a princípio, ele segue no Fluminense, por onde atua desde janeiro de 2016 após se destacar na campanha do vice da Taça Libertadores do ano anterior do Independente Del Valle.

Publicidade

Para encerrar a lista de especulações, em entrevista concedida ao Lancepress, o empresário de Matheus Alessandro, Tiago Guadagno, admitiu ter tido conversas informais com representantes do Nice (FRA), do Napoli (ITA) e de clubes da China e da Turquia para falar sobre o atacante.

"Hoje a preocupação do Matheus é com o Fluminense, mas esperamos uma proposta oficial para apresentar ao clube. Sendo interessante para ambas as partes", resumiu o agente.

Surgido na Taça das Favelas, torneio de futebol amador da cidade do Rio de Janeiro, Matheus Alessandro chegou para jogar na base do Fluminense e assumiu a titularidade nos profissionais após a chegada do técnico Marcelo Oliveira.

Treino define equipe para domingo

Enquanto aguarda o final do agito dos bastidores, o Fluminense se prepara para o confronto de domingo, às 16h (de Brasília), no Morumbi, diante do São Paulo, válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Publicidade

Na parte da tarde, haverá mais um treino no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca e a expectativa é pela formação do time titular.

A principal dúvida é saber quem será o substituto de Pedro. Contratado junto ao Bahia, Kayke surge como favorito, mas a boa atuação de Pablo Dyego na goleada de 7 a 1 sobre o Atlética Carioca, equipe da Série C do Rio, na última terça, pode fazer o atleta, revelado no próprio Fluminense, a ganhar uma oportunidade.

Quem não atua é Gum.

Publicidade

Punido com o terceiro cartão amarelo, o zagueiro, prestes a completar 400 jogos pelo clube das Laranjeiras, será substituído por Roger Ibañez, que formará dupla com Digão.

Com 26 pontos e em 10º lugar na classificação, o Fluminense, mesmo atuando fora de casa, busca vencer para não se afastar do G-6 do Brasileiro, grupo dos que estariam na próxima Taça Libertadores da América.

Leia tudo