Foram disputadas apenas quatro rodadas, porém a Rede TV! já colhe os frutos da iniciativa de transmitir com exclusividade para a TV aberta no Brasil um jogo por semana do Campeonato Inglês, a Premier League. Se antes as atrações exibidas no horário das 13h30 de sábado davam décimos de pontos no Ibope, os jogos têm feito a emissora de Osasco atingir números interessantes o que faz com que os executivos da emissora já se animem para pegar uma segunda competição europeia.

Publicidade
Publicidade

Franz Vacek, superintendente de jornalismo, esporte e digital da emissora disse, em entrevista ao UOL Esporte, que agora o canal busca um segundo torneio europeu para compor sua grade de programação, mas não revelou exatamente qual.

No entanto, ele deu a entender que tal campeonato não é o Francês, onde joga Neymar, atualmente atleta do Paris Saint-Germain, uma vez que a negociação para transmitir essa competição é a mais complicada no momento. Por outro lado, já é forte o rumo de que o campeonato em questão se trate do Italiano, que ganhou maior visibilidade nesta temporada após a transferência de Cristiano Ronaldo para a Juventus.

Depois da Premier League, Rede TV quer outro europeu
Depois da Premier League, Rede TV quer outro europeu

Negociação longa e complicada com a ESPN

Depois que não renovou o contrato para a transmissão das partidas do Campeonato Brasileiro da Série B, os executivos da Rede TV! passaram a correr atrás de outra competição para que a emissora tivesse pelo menos um torneio para ser exibido em sua grande e então decidiram apostar alto ao ir bater na porta da ESPN, detentora dos direitos de transmissão no Brasil da Premier League.

No entanto, para conseguir o direito de passar em sua programação um jogo por sábado – na faixa das 13h30 – as negociações foram longas e complicadas.

Publicidade

A emissora fechada exigia garantias financeiras e que cotas de patrocínio fossem fechadas, algo muito complicado para um período de Copa do Mundo, onde os principais anunciantes focam seus recursos no mundial da FIFA.

Por conta das dificuldades em fechar as cotas, a parceira chegou até a ficar ameaçada em dato momento, porém a emissora conseguiu os patrocínios da Caixa Econômica Federal e do site site apostas Bodog. Franz ainda revela que existem outras três cotas sendo negociadas.

Apesar de contar em seu quadro do carismático e experiente narrador Sílvio Luiz, a narração dos jogos fica por conta de Marcelo do Ó, que aposta em uma mescla de narração didática e ao mesmo descontraída. Isso visa cativar um novo público que não estavam acostumados a esse campeonato e ao mesmo tempo agradar ao expectadores que já acompanhavam as transmissões pela ESPN. Os comentários da partida ficam por conta do tetracampeão Paulo Sérgio e em breve a emissora também terá um correspondente na Inglaterra para cobrir os jogos nos estádios.

Publicidade

Leia tudo