Na manhã desta quinta-feira, na sede das Laranjeiras, o presidente do Fluminense, Pedro Abad, assinou o Termo de Cooperação entre o clube e o Instituto Cidadania Tricolor (ICT), documento o qual possibilitará a revitalização do Estádio Manoel Schwartz para jogos de pequeno porte, além de reformas na Sede Histórica e construção do prédio administrativo anexo.

O projeto será levado aos órgãos públicos para dar início ao debate, especialmente a questão sobre o tombamento e as possíveis interferências que poderão acontecer tanto no estádio quanto na sede.

Publicidade
Publicidade

A expectativa é de, em maio de 2019, quando o estádio completará cem anos, ocorra o lançamento da pedra fundamental para o início das obras.

Além de Pedro Abad, estava presente Diogo Bueno, que, até pouco tempo, ocupava o cargo de vice-presidente de finanças do Fluminense. Ao falar sobre a assinatura do Termo de Cooperação, o mandatário fez questão de enaltecer a participação do antigo aliado.

"Esse convênio é uma iniciativa espetacular que o Diogo vislumbrou juntamente com outros sócios e torcedores como uma forma de financiar a execução do projeto de reforma do Estádio das Laranjeiras.

O Diogo tem conduzido os trabalhos de forma objetiva, muito célere e esperamos que muito em breve consigamos cumprir o cronograma previsto", declarou Abad.

Estádio sediou primeiro título internacional da Seleção Brasileira

O Estádio das Laranjeiras, oficialmente denominado Manoel Schwartz em homenagem ao presidente do clube nos anos do tricampeonato estadual do Rio de Janeiro de 1983, 1984 e 1985 e da conquista do Campeonato Brasileiro de 1984, foi oficialmente inaugurado no dia 11 de maio de 1919 na abertura daquele Sul-Americano de seleções.

Publicidade

Na ocasião, o Brasil, que alcançaria o seu primeiro título da história, goleou o Chile por 6 a 0. Arthur Friedenreich teve a honra de balançar as redes de forma inédita.

Já a estreia do Fluminense na sua nova casa (anteriormente sediava as partidas na Rua Paysandu, no bairro do Flamengo) aconteceu em 13 de julho de 1919, quando derrotou o Vila Isabel por 4 a 1 pelo returno do Campeonato Carioca, gols de Welfare (três) e Machado.

O último jogo oficial nas Laranjeiras, que, depois de ter capacidade de 25 mil pessoas, atualmente só pode receber, no máximo, oito mil espectadores, aconteceu no dia 26 de fevereiro de 2003. Pela penúltima rodada da fase de classificação daquele Estadual do Rio, o Fluminense acabou ficando no empate de 3 a 3 com o Americano.

Leia tudo