Em mais um treino fechado no CT Pedro Antônio, localizado na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro, o Fluminense deu continuidade aos seus preparativos para o compromisso de domingo, às 16h (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba, diante do Atlético-PR, válido pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após a atividade, o técnico Marcelo Oliveira concedeu entrevista coletiva e falou sobre o que espera do final de semana. De acordo com o comandante, o duelo será bastante difícil, mas, pelos trabalhos apresentados ao longo da semana, acredita na possibilidade de conquistar um bom resultado.

Publicidade
Publicidade

"Eles têm grande aproveitamento dentro de casa, seja pelo trabalho, pela torcida e até ligeiramente pelo campo. Também estamos com uma confiança muito grande, fizemos uma boa preparação essa semana", disse.

Para o duelo contra o rubro-negro paranaense, o Fluminense terá as ausências de Gilberto e Pedro, ambos se recuperando de lesões. Outro desfalque é Ayrton Lucas, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Em contrapartida, o equatoriano Junior Sornoza, que não enfrentou Vitória e Botafogo por estar servindo a seleção de seu país em amistosos contra Jamaica e Guatemala, fica novamente à disposição.

No entanto, Marcelo Oliveira não assegurou a sua presença desde o início.

"Vamos fazer um último treinamento amanhã. Treinamos de duas formas, ele participou apenas de uma. Vamos definir se ele vai começar jogando ou vai ficar como opção no banco", revelou Marcelo.

Depois do Atlético-PR, o Fluminense mudará o foco e, na quinta que vem, a partir das 19h30 (de Brasília), no estádio Casablanca, em Quito, enfrentará o Deportivo Cuenca no jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Publicidade

Como Kayke não tem condições de atuar no torneio internacional por já ter jogado pelo Bahia, havia a possibilidade de ele ser barrado no final de semana, algo prontamente descartado pelo treinador tricolor.

"Temos que separar as coisas, pensar no Brasileiro e a partir de segunda pensar na Sul-Americana. Como opções na Sul-Americana, temos o Luciano, que vai ser inscrito, o Pablo e o próprio Júnior Dutra por dentro", declarou.

Revelação da base ganha oportunidade pela primeira vez após voltar de projeto Flu-Samorin

Durante a entrevista coletiva, o técnico Marcelo Oliveira acabou surpreendendo e divulgou que Fernando Neto, jogador formado nas categorias de base do próprio Fluminense e que retorna após um período integrando o Flu-Samorin, projeto de internacionalização da equipe das Laranjeiras a partir do Futebol da Eslováquia, fará parte da relação dos atletas que viajarão a Curitiba.

"Ele (Fernando Neto) está confirmado para esta viagem, porque joga também pela lateral-esquerda, já que teríamos apenas o Marlon", encerrou.

Se Fernando Neto está confirmado, o equatoriano Brian Cabezas e Daniel Simões, outros meias disponíveis no elenco, continuam sem muito prestígio e ficarão no Rio de Janeiro.

Com uma dúvida no meio, o Fluminense, que soma 31 pontos e busca vencer para subir do nono lugar para uma posição mais próxima do G-6 do Campeonato Brasileiro, irá até a Arena da Baixada tendo a seguinte escalação: Júlio César, Gilberto, Gum, Digão e Marlon; Richard, Dodi, Jádson e Sornoza (Luciano); Matheus Alessandro e Kayke.

Publicidade

Leia tudo