Por conta do fim das entradas disponíveis no Sul Inferior e no Leste Superior, o Fluminense, no final da última sexta, liberou a venda de ingressos para mais um setor do Maracanã, o Sul Superior. A torcida agiu rápido e, até o início da noite desta segunda, praticamente esgotou a carga disponibilizada para essa região do estádio.

Publicidade
Publicidade

Com isso, a diretoria acredita que mais de 40 mil torcedores estarão presentes no confronto de volta das oitavas de final da Copa Sul-americana na quinta, às 19h30 (de Brasília), diante do Deportivo Cuenca, do Equador.

Quem ainda não comprou pode se dirigir aos seguintes postos credenciados pelo Fluminense até a véspera do jogo das 10h às 17h (de Brasília):

- Sede das Laranjeiras;

- Loja Oficial do Fluminense Football Club no Shopping Nova Iguaçu;

- Loja Torcedor Carioca no Rio Shopping, em Jacarepaguá;

- Bilheterias 1 e 2 do Maracanã;

- Loja Fanáticos, em Araruama;

- Clube Canto do Rio, em Niterói.

No dia da partida, funcionarão apenas as bilheterias localizadas na sede das Laranjeiras, que ficarão abertas das 10h às 14h (de Brasília), e do Maracanã, disponíveis das 10h (de Brasília) até o final do primeiro tempo.

Flu terá casa cheia para garantir vaga na Sul-Americana (Foto: Reprodução/Lancepress)
Flu terá casa cheia para garantir vaga na Sul-Americana (Foto: Reprodução/Lancepress)

Como venceu por 2 a 0 no jogo de ida, em Quito, o Fluminense se classifica até perdendo por um gol de diferença. Ao Deportivo Cuenca, resta vencer por dois gols de diferença a partir de 3 a 1 ou por, pelo menos, três gols de diferença. Caso devolva o resultado do primeiro confronto, levará a disputa da vaga para os pênaltis.

Esse movimento da torcida vem animando a todos no Fluminense. Para o volante Dodi, o carinho dos tricolores será fundamental para o time.

Publicidade

O jogador, porém, alerta que, mesmo tendo uma boa vantagem, a equipe deve entrar concentrado, a fim de evitar qualquer tipo de surpresa.

"É uma boa vantagem, sem dúvida (2 a 0 fora), mas não tem nada ganho. Nós sabemos que será um jogo difícil. Esperamos que o Maracanã esteja cheio. Todo jogador quer jogar com estádio lotado, motiva a gente. Nós temos que entrar concentrado para buscar a classificação", declarou o atleta.

O classificado de Fluminense e Deportivo Cuenca enfrentará, na próxima fase da Sul-Americana, o Nacional-URU que, em um duelo de mata-mata emocionante, despachou o San Lorenzo-ARG.

Apesar da derrota do sábado, Marcelo Oliveira assegura manter o esquema com três zagueiros

Após vencer o Deportivo Cuenca e a Chapecoense, o Fluminense, no último sábado, acabou sendo derrotado pelo Grêmio por 1 a 0. O tropeço diante do clube gaúcho provocou alguns questionamentos ao técnico Marcelo Oliveira, especialmente em relação ao esquema de jogo. O comandante, porém, não se abalou e garante a manutenção dos três zagueiros para o restante da temporada.

Publicidade

"Nós jogamos quatro jogos com 3 zagueiros. Levamos dois gols e fizemos seis. Foi um time muito seguro, e que chegava à frente. E não era estranho para esses jogadores, porque jogaram assim com o antigo treinador, o Abel, por 5 meses", sacramentou Marcelo.

Sendo assim, Roger Ibañez está mantido ao lado de Gum e Digão. Outro que permanece é Luciano como substituto de Pedro e companheiro de Everaldo no ataque do Fluminense.

Leia tudo