Um grande escândalo dando conta de manipulação de resultados pode explodir a qualquer momento na UEFA Champions League, maior e mais importante competição dentre clubes no mundo. De acordo com informações publicadas pelo jornal L´Équipe, da França, a goleada por 6 a 1 do Paris Saint-Germain sobre o Estrela Vermelha, válida pela segunda rodada da fase de grupos, está sob suspeita.

O jornal revelou que um informante, cuja sua identidade foi mantida em sigilo, alertou a UEFA que dias antes do duelo contra os franceses um diretor do time sérvio havia apostado 5 milhões de euros, algo em torno de 22 milhões de reais, que sua equipe perderia por diferença de cinco gols.

Publicidade
Publicidade

A entidade que rege o futebol na França, então, alertou a Procuradoria Nacional Financeira (PNF) da França.

Ainda de acordo com o jornal, um especialista foi designado a acompanhar o duelo, disputado no dia 3 de outubro, no Parque dos Príncipes, em Paris. Esse especialista notou “fortes suspeitas” de passividade dos jogadores do time sérvio durante toda a partida. O primeiro tempo terminou com vitória tranquila dos donos da casa por 4 a 0.

Publicidade

Questionado sobre o assunto, o presidente do Estrela Vermelha, Dragan Dzajic, negou todas as acusações, enquanto que a UEFA se recusou a comentar sobre o caso.

O Paris Saint-Germain, por sua vez, emitiu um comunicado onde afirmou desconhecer o assunto. O próximo jogo das equipes será no dia 24 de outubro.

O Estrela Vermelha jogará novamente fora de casa, quando vai até a Inglaterra jogar contra o Liverpool, enquanto que o Paris Saint-Germain recebe o líder Napoli.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol

As duas partidas estão marcadas para às 16 horas, pelo horário de Brasília. A classificação aponta o Napoli na liderança do grupo C com quatro pontos em dois jogos. Em seguida aparecem empatados Liverpool e PSG com três pontos, porém os ingleses levam vantagem no confronto direto, e na quarta e última colocação o Estrela Vermelha, com apenas um ponto ganho.

Luta contra manipulação

Acusações e suspeita de manipulação de resultados não são algo que chega a ser novidade na Europa, o que fez a UEFA a reforçar o combate as fraudes e lançar um programa de tolerância zero no que classifica como “uma doença que ataca o coração do futebol”.

O sistema para detectar fraudes da UEFA abrange mais de 30 mil jogos por ano de competições internacionais e domésticas, isso fez com que na última edição da Euro, disputada em 2016, não fosse registrada qualquer ocorrência dessa natureza.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo