Um grande escândalo dando conta de manipulação de resultados pode explodir a qualquer momento na UEFA Champions League, maior e mais importante competição dentre clubes no mundo. De acordo com informações publicadas pelo jornal L´Équipe, da França, a goleada por 6 a 1 do Paris Saint-Germain sobre o Estrela Vermelha, válida pela segunda rodada da fase de grupos, está sob suspeita.

O jornal revelou que um informante, cuja sua identidade foi mantida em sigilo, alertou a UEFA que dias antes do duelo contra os franceses um diretor do time sérvio havia apostado 5 milhões de euros, algo em torno de 22 milhões de reais, que sua equipe perderia por diferença de cinco gols.

Publicidade
Publicidade

A entidade que rege o futebol na França, então, alertou a Procuradoria Nacional Financeira (PNF) da França.

Ainda de acordo com o jornal, um especialista foi designado a acompanhar o duelo, disputado no dia 3 de outubro, no Parque dos Príncipes, em Paris. Esse especialista notou “fortes suspeitas” de passividade dos jogadores do time sérvio durante toda a partida. O primeiro tempo terminou com vitória tranquila dos donos da casa por 4 a 0.

Questionado sobre o assunto, o presidente do Estrela Vermelha, Dragan Dzajic, negou todas as acusações, enquanto que a UEFA se recusou a comentar sobre o caso.

Neymar foi o autor de três gols contra o Estrela Vermelha
Neymar foi o autor de três gols contra o Estrela Vermelha

O Paris Saint-Germain, por sua vez, emitiu um comunicado onde afirmou desconhecer o assunto. O próximo jogo das equipes será no dia 24 de outubro.

O Estrela Vermelha jogará novamente fora de casa, quando vai até a Inglaterra jogar contra o Liverpool, enquanto que o Paris Saint-Germain recebe o líder Napoli. As duas partidas estão marcadas para às 16 horas, pelo horário de Brasília. A classificação aponta o Napoli na liderança do grupo C com quatro pontos em dois jogos.

Publicidade

Em seguida aparecem empatados Liverpool e PSG com três pontos, porém os ingleses levam vantagem no confronto direto, e na quarta e última colocação o Estrela Vermelha, com apenas um ponto ganho.

Luta contra manipulação

Acusações e suspeita de manipulação de resultados não são algo que chega a ser novidade na Europa, o que fez a UEFA a reforçar o combate as fraudes e lançar um programa de tolerância zero no que classifica como “uma doença que ataca o coração do futebol”.

O sistema para detectar fraudes da UEFA abrange mais de 30 mil jogos por ano de competições internacionais e domésticas, isso fez com que na última edição da Euro, disputada em 2016, não fosse registrada qualquer ocorrência dessa natureza.

Leia tudo e assista ao vídeo