O Fluminense terá o seu principal líder no jogo de ida das semifinais da Copa Sul-americana. Em entrevista concedida no início da tarde desta segunda-feira (5) no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, o lateral-direito Léo confirmou que Gum estará à disposição do técnico Marcelo Oliveira para o compromisso de quarta, às 21h45 (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba, diante do Atlético-PR.

"Conversamos sim com o Gum. Está feliz de estar nessa semifinal. Passa muita confiança para a gente", resumiu o jogador.

Publicidade

Gum vem tentando se recuperar totalmente uma lesão no joelho desde o empate de 1 a 1 com o Nacional, do Uruguai, no Nilton Santos. Na semana passada, quando o Tricolor foi a Montevidéu e venceu o mesmo time uruguaio pelo placar de 1 a 0, ele atuou no sacrifício e ficou em campo nos noventa minutos. Por conta desse esforço, acabou seno poupado do clássico do último sábado contra o Vasco.

Ainda falando do duelo na capital paranaense, Léo, que voltou ao time após quatro jogos devido a um edema na coxa, espera muitas dificuldades e pede inteligência para os cariocas alcançarem um bom resultado.

"A torcida deles vai encher, vai apoiar e cabe a gente ficar tranquilo, esquecer, porque dentro de campo somos só nós, os jogadores. A Sul-Americana é um campeonato bastante difícil, que temos que jogar com muita inteligência e calma. Focar na marcação e nas nossas qualidades", explicou.

O técnico Marcelo Oliveira mantém o mistério, mas o provável Fluminense é o seguinte: Júlio César; Roger Ibañez, Gum e Digão; Léo, Aírton (Richard), Jádson, Junior Sornoza e Ayrton Lucas; Everaldo e Luciano.

Clube promove duas mudanças na lista da Sul-Americana

Enquanto o grupo trabalhava dentro de campo, a diretoria, fora dele, anunciava as duas últimas mudanças na lista dos jogadores inscritos para a Copa Sul-Americana.

Publicidade

O lateral-esquerdo João Vitor, jogador do Sub-20, e o centroavante Pedro, só retorna aos gramados em 2019 por conta de uma intervenção cirúrgica, foram sacados e deram seus respectivos lugares ao lateral-direito Igor Julião e ao atacante equatoriano Bryan Cabezas.

Depois de um período servindo à filial do clube carioca na Eslováquia, Julião reestreou no Flu na vitória de 1 a 0 sobre o Atlético-MG no Nilton Santos e caiu no gosto de Marcelo Oliveira. Já Cabezas não tem o mesmo conceito junto ao treinador e, até o momento, só atuou poucos minutos na derrota de 3 a 0 para o Santos, na Vila Belmiro.

A volta contra o Atlético-PR acontece somente no dia 28 de novembro, também às 21h45 (de Brasília), no Maracanã. Se conseguir a vaga na final, o Fluminense decidirá o título contra o vencedor do dérbi colombiano entre Independente Santa Fé e Junior Barranquilla.