Como estímulo para superar positivamente a semana decisiva na sua temporada, o Fluminense pagou, no final da tarde desta quarta-feira, dia 28, o restante dos salários atrasados dos jogadores e funcionários. O Tricolor chegou a ficar dois meses sem honrar os vencimentos dos atletas, situação que gerou um desconforto no elenco e episódios públicos de insatisfação.

Publicidade
Publicidade

Em contrapartida, a agremiação segue devendo quatro meses de direitos de imagem, mas, como menos de dez jogadores são atendidos nesse tipo de benefício, a diretoria acredita que não terá dificuldades em fazer tal acerto brevemente.

A notícia dos salários vem um um excelente momento para o Fluminense. Logo mais, a partir das 21h45 (de Brasília), a equipe das Laranjeiras, no Maracanã, necessita vencer por, pelo menos, três gols de diferença ou devolver os 2 a 0 do jogo de ida na Arena da Baixada e, em seguida, derrotar o Atlético-PR nos pênaltis para assegurar a vaga na final da Copa Sul-Americana.

Fluminense acerta salários com jogadores, mas ainda deve direitos de imagens (Foto: Portal Torcedores)
Fluminense acerta salários com jogadores, mas ainda deve direitos de imagens (Foto: Portal Torcedores)

Já no domingo, a partir das 17h (de Brasília), também no Maracanã, o desafio é escapar da ameaça de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Para isso acontecer, o Fluminense precisa de um empate contra o América-MG em compromisso válido pela última rodada da competição nacional.

De volta ao time, Gum confia em um final de ano diferente do restante da temporada

Para o importante jogo contra o Atlético-PR, o Fluminense contará com o retorno de Gum.

Publicidade

Por conta de um incômodo no joelho direito, o zagueiro e capitão da equipe tricolor não participou da derrota de 2 a 0 para o Internacional e reassumirá o seu posto entre os titulares ao lado de Digão e Paulo Ricardo.

Em entrevista concedida na terça no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro, Gum reconhece as dificuldades que a equipe carioca terá tanto diante do Rubro-Negro Paranaense quanto contra o América-MG, mas confia na história recente do clube para garantir um final de ano bem mais tranquilo em comparação ao restante da atual temporada.

"Desafios são feitos para serem superados, estamos confiantes que podemos buscar essa classificação. Temos que encarar e acreditar que só nós podemos superar, como já fizemos em outras vezes. O Futebol é lindo por causa disso, diante de todas as dificuldades que passamos, em uma partida tudo pode mudar. Precisamos unir forças, nos ajudar para terminar o ano bem, pois nosso ano foi muito difícil.", resumiu o defensor.

Leia tudo